terça-feira, 30 de abril de 2013

Lalibela - Construções Monolíticas - Full HD - Igrejas de Pedra - Etiópia - Milagre

          Igrejas Monolíticas Misteriosas Talhadas Diretamente na Rocha Solida          


Na Etiópia uma série de igrejas foram talhadas na rocha bruta nos idos de 1200 DC, essas construções megalíticas são um mistério, pois é desconhecido os métodos usados para fazer tal obra, os próprios construtores, Rei Lalibela e outros, dizem que receberam a ajuda dos "anjos"... [sobre 'anjos' Clique Aqui] é então um grande mistério, como as pessoas há mais de 800 anos atrás talharam essas pedras? A escavaram a partir da rocha solida! Como? Mesmo hoje em dia seria uma tarefa extremamente difícil, esse mistério está longe de ser desvendado, e os materialistas/ateus simplesmente não querem nem ouvir falar disso, a exemplo de outras construções inexplicáveis, eles correm desses assuntos, como o rato corre do gato... Uma pena que a equipe do History não tocou também no assunto referente a Aksum, e seus obeliscos de granito gigantes, tão, ou mais pesados e sofisticados que os obeliscos do Egito. Aksum fica na Etiópia também, relativamente próximo de Lalibela.

Esses Obeliscos de Aksum são muito mais antigos que Lalibela, são de um período desconhecido, mas com certeza antes de cristo. Talvez as mesmas forças e conhecimentos que possibilitou a construção de Aksum foi usada, muito mais tarde, [pelo menos 1400 anos depois] para a construção das igrejas de Lalibela.

Sobre Aksum: [Clique Aqui] - Sobre Lalibela: [Clique Aqui] - Mais sobre construções inexplicáveis?: [Clique Aqui]

Obeliscos de Aksum, tão grandes, sólidos e pesados como os do Egito

          Galeria de Imagens - Lalibela e Obeliscos Gigantes de Aksum          



















Note os detalhes intrincados dos relevos feitos nos obeliscos de Aksum, que tipo de instrumentos foi usado? Assim como acontece com outras construções pelo mundo, não há explicação convencional

 Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Tags:  Lalibela,Construções Monolíticas,Full HD,Igrejas de Pedra,Etiópia,civilização,arca da aliança,bíblia,rainha de sabá,Salomão,rei Salomão,cristianismo,jesus,maria,milagre,áfrica,megalítica,

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Alienígenas do Passado - Episódio Anjos são Alienígenas - Bíblia - Hierarquia do Anjos

          Veja o Documentário, pelo que tudo indica, os Anjos eram Alienígenas          

Lista de Reprodução - [Clique Aqui] - Série Completa - [Clique Aqui]
Anjos, na verdade nunca existiram, são apenas extraterrestres identificados assim

Nesse episódio de alienígenas do passado, os proponentes da teoria dos alienígenas antigos questionam todo o mito dos anjos, e sugerem que muito provavelmente os chamados "anjos" eram na verdade extraterrestres, que foram mal interpretados pelos antigos - "eles habitam no céu", "eles vem do Céu", "eles descem do céu", "são poderosos, e sábios", "podem tanto ajudar, como destruir", etc... todos esses atributos podem ser relidos sob uma ótica ufológica, e então chegasse a conclusão, muito mais plausível, que na verdade os "anjos" relatados na bíblia, no alcorão, em livros dos oriente extremo, etc... eram alienígenas que foram identificados assim, como "mensageiros de deus", "representantes do divino", mas não é nada disso, eram seres de outros planetas, fazendo alguma coisa aqui, as vezes boa, e as vezes má. Então toda aquela historia de "Hierarquia dos Anjos", "ordens angelicais", "categorias de anjos", etc... cai por terra, é tudo invenção, é tudo ficção, nada é baseado em fatos, são apenas abstrações mentais.

        Galeria de Imagens - Anjos Também Eram Extraterrestres - Como os Deuses        





Fiquei muito triste, não por não existir "Anjos", mas sim por não existir "Anjas"! (Risos)





Tags:
Alienígenas do Passado,Anjos são Alienígenas,Bíblia,Hierarquia do Anjos,anjo,anjos de deus,anjos do apocalipse,palavra de deus,anjinhos,anjo da guarda,mensageiros de deus,imagens de anjos,

As Cavernas de Ajanta - Full HD - Grutas de Ajanta - Índia - Mistério

          Vídeo em Full HD sobre as Cavernas de Ajanta mais um Mistério da Índia          


As Cavernas de Ajanta, (também referidas como Grutas de Ajanta) são uma construção megalítica que foi criada a partir de 200 A.C. tais cavernas foram escavadas na rocha solida, por meios desconhecidos, formando grandes salões que foram então todo esculpidos com pelas estatuas, relevos, e pilares de beleza e bom gosto, tudo isso escavado diretamente na rocha. Uma obra dessas, mesmo hoje em dia seria muito difícil de fazer, mesmo usando dos mais sofisticados aparelhos para o corte e tratamento de  pedra que temos. Como os indianos, há mais de 2 mil e 200 anos atrás conseguiram trabalhar a rocha solida, mover milhares e milhares de toneladas de pedra, e criar toda essa enorme e sofisticada construção? Como conseguiram trabalhar tão finamente a rocha de granito para a criação dessas estatuas, relevos, e pilares? As Grutas de Ajanta então vem a se juntar a longa, e grossa, fila de construções misteriosas, e inexplicáveis que se espalham por todo o nosso planeta, tais como Puma Punku, Baalbek, Pirâmides de Gizé, Göbekli Tepe, etc...  Mais sobre construções misteriosas, sem qualquer explicação Materialista/Ateu? Veja pagina - [Clique Aqui]

          Galeria de imagens, Gruta de Ajanta - Índia          










Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Srinivasa Ramanujan - [Full HD] - Indiano Canalizador de Matemática Super Complexa - Namagiri

Esse indiano que morreu nos anos 20 recebia em sonhos canalização de matemática complexa, que mais tarde ajudou a criar a Mecânica Quântica, e elaborar a Teoria das Super Cordas. Sobre Física Quântica, Teoria das Cordas, Etc... [Clique Aqui].

     Srinivasa Ramanujan, ajudou a criar a Física Quântica com canalizações da *Deusa Hindu Namagiri (segundo ele mesmo)     



Srinivasa Ramanujan, nasceu em 22 de Dezembro de  1887 em Erode, uma pequena localidade a  400 km de Madras. Com um ano de idade foi com seus pais para a cidade de Kumbakonan, onde mais tarde freqüentou a escola primária e o liceu. No liceu, Ramanujan revelou-se um excelente aluno em todas as disciplinas. Com  13 anos, começou a estudar sozinho as progressões aritméticas e geométricas . Com  15 anos, aprendeu como solucionar as equações do terceiro e quarto grau. No ano seguinte, desconhecendo os trabalhos de Abel e Galois, tentou em vão achar uma fórmula para achar as raízes da equação quíntica. No liceu, Ramanujan leu o livro Synopsys of Elementary Results on Pure Mathematics, publicado em  1856 é uma obra de mais de  1000 páginas e trata-se de diversos assuntos tais como Álgebra Elementar, Teoria das Equações, Trigonometria Plana e Esférica, Geometria Plana, Séries Infinitas, etc. A leitura deste livro não é nada agradável, pelo fato de apresentar várias fórmulas sem demonstração ou com provas bastante curtas. Mesmo assim, ele influenciou muito o estilo de Ramanujan em suas contribuições em Análise, Teoria dos Números, Frações Contínuas e Séries Infinitas. Em 1904 Ramanujan começou a realizar pesquisas profundas. Ele estudou a série harmônica e calculou a constante  "I" de Euler com  15 casas decimais. Também estudou os números de Bernoulli, embora fosse descoberto independente por ele.
Foi homenageado pelo Google 

Devido a seus excelentes resultados no liceu, ele recebeu neste mesmo ano uma bolsa de estudos em Kumbakonam, mas ela não foi renovada no ano seguinte pois ele dedicava-se muito a Matemática, obtendo baixo rendimento nas outras disciplinas. Sem dinheiro, ele seu viu logo em dificuldades e fugiu para a cidade Visagapatnam cerca de  650 km ao norte de Madras. Ele continuou seu trabalho matemático, investigando as séries hipergeométricas e as relações com as integrais. Em 1906 Ramanujan foi para Madras onde ele entrou na faculdade de Pachayappa. Ele participou de conferências nesta faculdade, mas ficou doente após três meses de estudo. Seu objetivo era passar nos exames admissionais de modo que ele pudesse estudar na universidade de Madras. Ele passou em Matemática, mas reprovou em todas as outras disciplinas e, portanto, foi reprovado neste exame, impedindo seu ingresso na universidade. Nos anos seguintes, ele desenvolve suas próprias idéias matemáticas, estudando sem qualquer ajuda e sem ideia real dos temas, mas os estudos baseiam-se no livro citado acima. Em 1908, ele estuda frações contínuas e séries divergentes. Nesta fase, ele ficou novamente doente e demora-se a recuperar e foi submetido a uma operação em abril de 1909 quando sua mãe arranjou um casamento com uma menina de  10 anos. Ramanujan não vive com sua esposa até ela completar  12 anos. Ele continua desenvolvendo suas ideias matemática e passa a publicar publicar e resolver problemas no Journal of Indian Mathematical Society. Após um brilhante trabalho sobre os números de Bernoulli em  1911 neste mesmo jornal, ele ganhou reconhecimento pelo seu trabalho. Apesar de não ter um curso superior, ele fica conhecido como um gênio matemático na região de Madras. Neste mesmo ano, ele entra em contato com o diretor do Journal of Indian Mathematical Society em busca de um emprego. Logo em seguida, ele consegue o seu primeiro emprego temporário no gabinete do Contador Geral em Madras. Sugeriu-se que ele procurasse Ramachandra Rao que era um membro fundador da Sociedade Indiana de Matemática e que também ajudou a fundar a biblioteca de Matemática. Com relação a Ramanujan, Rao escreveu - "Uma figura estranha, pequena e a barba por fazer, mas com uma curiosa característica, os olhos brilhando, entrou com um caderno velho debaixo dos braços em minha sala. Ele abriu o caderno e começou a explicar algumas de suas descobertas. Eu vi muito, uma vez que havia algo fora do caminho, mas meu conhecimento não me permite julgar se ele tinha ou não razão. ... Eu perguntei o que ele queria. Ele queria o suficiente para viver de modo que ele pudesse continuar sua pesquisa matemática".

Inspirado pela Deusa Namagiri

Ramachandra Rao, disse-lhe para voltar a Madras e tentou sem sucesso arrumar uma bolsa de estudos. Em 1912, ele consegue um cargo de escriturário na Seção de Contabilidade de Madras Port Trust. Apesar do fato dele não ter um curso superior, ele era bem conhecido dos matemáticos da universidade de Madras e um deles disse numa carta de recomendação - "Eu recomendo vivamente o requerente. Ele é um homem jovem com uma excepcional capacidade em matemática, especialmente em trabalhos relacionados com números. Ele tem um capacidade natural para a computação e é muito rápido em cálculos mentais". Em janeiro de 1913 Ramanujan escreveu uma carta para o grande matemático inglês, G. H. Hardy, o qual viu uma cópia de suas anotações em 1910. Na carta de Ramanujan para Hardy ele apresentou o seu trabalho. Neste mesmo ano, ele ganhou uma bolsa da universidade de Madras por dois anos e em 1914 ele viaja para a Inglaterra e conhece o Trinity College. Em 1914 Ramanujan apresentou uma construção com régua e compasso que é equivalente a obter o valor aproximado de  com  8 casas decimais exatas, ou seja, nos estudos matemáticos com Hardy, ele observa uma lacuna muito grande no conhecimento formal. Assim, o matemático Littlewood foi chamado para lhe ensinar métodos matemáticos rigorosos. No entanto, ele disse - "Era extremamente difícil ensinar-lhe matemática, porque cada vez que eu apresentava algum assunto que pensava-se que Ramanujan precisava, ele vinha com uma avalanche de ideias originais que tornava impossível persistir na minha ideia original" - Com o início da Primeira Guerra Mundial, Littlewood foi convocado para ficar de plantão. Hardy continou seus estudos com Ramanujan, mas durante os primeiros  5 meses de 1915 ele ficou doente devido a clima frio da Inglaterra.


Em 1916 Ramanujan graduou-se em Cambridge com o título Bachelor of Science by Research (este grau foi chamado de doutorado a partir de 1920). Em 1918 ele foi eleito membro honorário do Cambridge Philosophical Society. Para este título, ele recebeu apoio de vários matemáticos ingleses. Ramanujan partiu para a Índia em 27 de fevereiro de 1919 chegando em  13 de março. No entanto, sua saúde era muito precária, e apesar do tratamento médico, ele faleceu no ano seguinte. Ramanujan descobriu resultados de Gauss, Kummer e outros em séries hipergeométricas. Talvez a sua obra mais famosa foi sobre o número  Pi de partições de um inteiro  em  números. Macmahon produziu quadros do valor de  p(n) para pequenos valores de . Ramanujan usou estes dados para conjecturar algumas propriedades notáveis, sendo que algumas ele provou usando funções elípticas. Outras foram comprovadas apenas após a sua morte.


Fontes:


Tags:  Srinivasa Ramanujan, Full HD,Indiano,Canalizador,Matemática,física,teoria das cordas,física teórica,universos paralelos,multiverso,dimensões,lhc,colisor de hadrons, Deusa Hindu Namagiri,

GoogleAnalytics

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. (Bruno Guerreiro de Moraes)