sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Puma Punku - Ruínas que Superam as Pirâmides de Gizé - Tiahuanaco na Bolívia

Sobre as Pirâmides de Gizé [Clique Aqui] - Sobre as Linhas de Nazca [Clique Aqui] - Sobre a Faixa de Buracos [Clique Aqui] - Sobre a Fortaleza de Sacsayhuaman [Clique Aqui] - Sobre Alienígenas do Passado [Clique Aqui] - Sobre Erich Von Däniken [Clique Aqui

Nas vastas montanhas dos Andes, na América do Sul, ao norte da Bolívia, perto do Peru um mistério fantástico ainda permanece... As ruínas de Puma Punku, perto de Tiwanaku [Sul do Lago Titicaca] são as mais fantásticas do planeta! Superando até as Piramides de Gizé, Baalbek, Göbekli Tepe, etc...  Elas podem se tratar na verdade de uma construção feita diretamente pelos extraterrestres! Ridículo? Veja o documentário e verifique por si mesmo:

                    Veja o Documentário Agora em Full HD                    


Pequeno trecho de Documentário sobre Puma Punku:


As ruínas de Puma Punku, próximas de Tiahuanaco, [América do Sul] estão entre as mais interessantes e misteriosas do Mundo, superam até mesmo as Pirâmides de Gizé, se formos levar em conta o nível de especialidade e refino no tratamento de pedras altamente resistentes verificas ali.


Por Gilberto Schoereder da revista Sexto-Sentido:
[Obs. com pequenas mudanças no texto feitas por mim, dono desse site]:

O que talvez mais irrite os chamados pesquisadores autônomos – como Erich Von Däniken, por exemplo – é o fato deles levantarem questões interessantes que são sistematicamente ignoradas pelos cientistas [leia-se Pseudocientistas] da área para, depois de muitos anos, passarem a receber a atenção necessária. Parece até birra de criança que quer fazer, mas diz que não vai fazer; espera passar algum tempo para ver se todo mundo já se esqueceu do assunto, e aí faz... Puma Punku é um caso desses. Däniken já se referia às estranhas construções lá pelos idos dos anos de 1960, início dos 70, mas só há pouco começaram as escavações e pesquisas para valer na região. Pumu Punku é um conjunto de ruínas a cerca de um quilômetro ao Sul de Tiahuanaco [lago Titicaca e suas ruínas] e, até onde se sabe, os arqueólogos e outros pesquisadores ainda não chegaram a uma conclusão se elas fazem parte de Tiahuanaco ou não, [como podem ver no documentário, não fazem, Puma Punku é mais antigo, muito mais].




Certamente, são bem mais estranhas. Quando as viu pela primeira vez, Däniken disse que parecia que todo o lugar tinha sido virado de cabeça para baixo. Escadarias gigantescas ao contrário, como num quadro de Escher, construções cuja finalidade ninguém conhece, mas colocadas inteiras viradas para baixo, é como se fortíssimas bombas tivessem sido detonadas ali. Ali também existe uma pirâmide, ou o que sobrou dela. Diz-se que quatro pisos da pirâmide ainda podem ser percebidos, além de existirem em Puma Punku as maiores pedras já encontradas em construções na América do Sul, as mais pesadas chegando a 440 toneladas, e outras a 100 ou 150 toneladas. Essas pedras são de granito solido e diorita [só há uma pedra mais dura que diorita, o diamante].


O sistema de junção dos blocos de pedra também é único na América, com a utilização de ranhuras em forma de “I”, nas quais teriam sido colocados cobre ou chumbo derretido [ou outro metal], agindo como grampos para prender as pedras, ainda que alguns afirmem que esses metais não conseguiriam suportar o peso [por isso da hipótese que fosse outro tipo de metal, bem mais duro, o que é surpreendente, novas ligas só foram produzidas modernamente após a revolução industrial]. Segundo os arqueólogos tendenciosos, e comprometidos com o materialismo/ateísmo, que pesquisam a região, Puma Punku é o que restou de um prédio construído em quatro partes, e que caiu devido a um motivo desconhecido, talvez um terremoto.



Os pesquisadores dizem que a pedreira de onde os blocos saíram encontra-se a cerca de 16 quilômetros de lá, [já outros dizem que é de mais longe]. E mais uma vez, chegamos àquele impasse: não havia tecnologia na época em que a construção supostamente foi erguida, para transportar esses blocos de pedra; para não falar da forma como foram cortados. As lendas locais dizem que Puma Punku foi construída pelos deuses em apenas uma noite. Da mesma forma, por razões que só os deuses compreendem, resolveram destruí-la e o fizeram simplesmente levantando-a no ar e virando-a de cabeça para baixo. Quem sabe né? Vai ver foi essa cidade fantástica que deu inicio ao mito do “El Dourado”, a cidade que seria feita de Ouro e habitada por deuses. Há evidencias também, que parte das ruínas já não existe mais. O viajante francês Alcide d’Orbigny relatou, por volta de 1844, a existência de portões imensos erguidos sobre plataformas de lajes, uma delas com 40 metros de comprimento. Hoje, elas já não podem ser vistas em pé. Como ocorreu em outros locais da região [nas Pirâmides de Gizé também] e até mesmo em Tiahuanaco, a população local utilizou o local como pedreira para a construção de cidades e igrejas na região, eles pilharam as ruínas antigas assim como os Romanos fizeram no Egito, os blocos de Puma Punku foram ainda mais remexidos, pelos cristãos, que já não tinham mais respeito pelas extraordinárias construções.


O viajante francês Alcide d’Orbigny relatou, a existência de portões imensos erguidos sobre plataformas de lajes, uma delas com 40 metros de comprimento, os habitantes locais, convertidos ao cristianismo, não respeitaram a construção, e a destruíram ainda mais um pouco, provavelmente com a justificativa que eram "construções do demônio", é rir para não chorrar...

Devido ao *orçamento escasso, diz-se que as escavações são muito lentas, e apenas a parte superior da estrutura de Puma Punku foi descoberta. [Obviamente os tendenciosos comprometidos com ideologias, e não com a ciência honesta, não tem 'presa' em pesquisar o sitio, por motivos óbvios...]. Ainda que os próprios arqueólogos materialistas/ateus afirmem ser apenas uma suposição, o que dizem é que a estrutura parece ser uma plataforma gêmea da que é encontrada em Akapana, também em Tiahuanaco, uma vez que a orientação e a arquitetura de ambas sugerem terem sido utilizadas em conjunto para fins cerimoniais. Ambas estão orientadas de frente para o Sol, um indicativo do culto solar que predominava na mitologia dos Andes. As duas estruturas também possuem escadarias gêmeas em seus lados leste e oeste. Por outro lado, pesquisadores autônomos sugerem que Puma Punku não tem relação direta com Tiahuanaco, e muito do que se vê no local não pode ser compreendido, ao contrário do que se vê em Tiahuanaco.


Algumas construções se assemelham a complicadas caixas de pedra, repletas de reentrâncias e ranhuras sem finalidade presumível. A estranheza da construção pode ser melhor percebida no desenho que reproduz um dos blocos, realizado pelo arqueólogo Max Uhle (1856-1944) em colaboração com o explorador Alphons Stuebel (1835-1904), publicado no livro “Die Ruinenstätte von Tiahuanaco im Hochland des Alten Peru” (As Ruínas de Tiahuanaco no Planalto do Peru Antigo, 1892). Eles fizeram medições cuidadosas dos blocos de pedra e chegaram a um resultado misterioso. O desenho mostra mas não explica, a finalidade do estranho bloco de pedra. Esse é apenas mais um dos mistérios de Puma Punku que, para muitos investigadores, é apenas mais um dos inúmeros indícios de que civilizações extremamente desenvolvidas existiram na América do Sul, possivelmente em épocas muito mais recuadas do que se supõe atualmente.


Essa civilização deve ter a ver também com o grande mistério das Linhas de Nazca [Clique Aqui] da Faixa de Buracos [Clique Aqui] da Fortaleza de Sacsayhuaman [Clique Aqui], e Ilha de Pascoa. Quando analisamos a conjunto das evidencias podemos amarrar as informações e montar um quadro coerente que prova sem sombra de duvidas que no passado teve sim uma super civilização que foi derrubada por algum motivo misterioso. Hoje ela é apelidada de “Atlântida”, “MU”, “Lamúria”, “Nank”, etc... Mais uma vez, a trancos e barrancos, a ciência vem a fundamentar o que já é dito a milênios pelos ocultistas. Se não fosse a forte presença dos Ateus/Materialistas no coração da comunidade cientifica, está já teria avançado muito mais.


       Galeria de Imagens - Puma Punku - Construção Feita Diretamente por Extraterrestres       

Giorgio A. Tsoukalos, grande estrela da Série Ancient Aliens, (Alienígenas do Passado)
























Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

2 comentários:

Will disse...

bruno, gostaria de perguntar o q vc axa do ancient aliens debunked, vi só a parte de puma punku q achei legendado,e parece q cada um puxa a sardinha pro seu lado e acaba confundindo o povo..

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Respondi para uma amiga sobre o assunto, segue histórico das conversações:

Ela: Não consegui achar com legenda, mas vale a pena ver.
bjs

http://www.forbiddenknowledgetv.com/videos/ufosinterdimensionalultraterrestrials/ancient-aliens-debunked.html

Resposta:

Acho engraçado a tentativa frustrada dos pseudocéticos em querer "refutar" a série alienígenas do passado. Pura comédia!

Não vi todos os "argumentos", mas já deu para ter uma amostra. Usam apenas de retorica da controvérsia, sofismas, dados distorcidos. Tudo para que as coisas fiquem, exatamente do mesmo jeito que é... Isto é, que a Teoria do Homem macaco prossiga, ou a do homem de barro....

Ela:

É difícil dizer se os pseudocéticos tem alguma coisa a ver com isso dessa vez. Depois entra no site e veja cada ítem em separado. Acho a teoria ótima, com toda chance de ser verdadeira em alguns aspectos, mas talvez eles forcem uma barra em muitas coisas. Temos sempre que abrir os olhos p/dois ou mais lados das histórias.
bjs

http://ancientaliensdebunked.com/

Resposta:

Ah sim isso é verdade, os teoristas da hipótese alien exageram em alguns momentos, mas ai dizer que a série toda é mentira? Que não há provas? Que tudo não passa de pseudociencia? Já vi alguns argumentos dos pseudocéticos e grande parte não passa de retorica da controvérsia, sofismas, distorções. Numa eles estão dizendo que os pesquisadores falaram que os blocos de Baalbek pesam 1200 toneladas, mas na verdade eles tem "só" 800 toneladas cada... só 800! Rsrsrsrsrsrsr!!!!

Desculpe mas chega a ser engraçado...

Se puder veja esse vídeo sobre Puma Punku: http://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2010/10/puma-punku-ruinas-que-superam-as.html

Assista se conseguir esses outros episódios que falam sobre provas físicas incontestáveis:
http://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2012/09/provas-fisicas-irrefutaveis-alienigenas.html

Não caia nas sofismas de pseudocéticos preocupados em defender sua religião, ou ideologia preferida, aquela, por exemplo, que fala de peixes virando macaco...

Depois:

Essa você tem de Ver: Baalbek - O Grande Mistério dos Monólitos do Líbano - Blocos Gigantes - Em Full HD

Baalbek - O Grande Mistério dos Monólitos do Líbano - Blocos Gigantes - Em Full HD: http://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2013/04/baalbek-o-grande-misterio-dos-monolitos.html

Os Pseudocéticos criticam essa informação, mas assista tudo e veja a fraqueza dos argumentos deles, uma das pedras pesa até mais que 1.200 toneladas.

Pseudocéticos:
http://ancientaliensdebunked.com/references-and-transcripts/baalbek/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

wibiya widget

Triste Realidade:

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma super potencia do universo local”. [Bruno G. Moraes]