domingo, 10 de outubro de 2010

Sigmund Freud contra Carl Jung - Materialismo e Ateísmo Vs Ciência Honesta e Lúcida

Você Sabe o que é “O Salto Quântico Genético”? [Clique Aqui]


Carl Jung, muito mais coerente cientificamente

Sigmund Freud era um ateu/materialista assumido, ele até que fez progressos no entendimento da mente humana e suas anomalias, porém por conta de sua ideologia predileta, adotada em contraponto ao domínio das religiões, (isto é o materialismo ateísmo), deixou a ciência de lado e resolveu adotar uma posição pseudocientífica, ignorando dados importantes que mostrava com clareza que sua visão reducionista estava equivocada.

Sigmund Freud contra Carl Jung, Materialismo e Ateísmo Vs Ciência Honesta e Lúcida:

Ateu/Materialista, idolatra da nova religião, o Darwinismo [Clique Aqui]

Freud então se tornou um PSEUDOCIENTISTA que fazia de tudo para acobertar as evidencias que iam contra a sua ideologia Materialista/Ateísta, e distorceu o que pode para valida-la. Já Carl Jung, discípulo de Freud, resolveu ser mais honesto e cientificamente mais preciso, ele como verdadeiro cientista se rendeu as evidencias, em vez de as esconder debaixo do tapete.

Assista o Filme "Um Método Perigoso" que conta a historia de Jung, e seus confrontos com Freud

Por causa de sua honestidade e coerência foi perseguido por Freud, que terminou seus dias aprontando uma conspiração contra Jung, tudo para tentar fazer a verdade não vir a tona, verdade essa que contesta a visão de mundo materialista/ateísta.

Lamentavelmente, dentro do mundo científico o Materialismo/Ateísmo predomina, isso por que a maioria das pessoas que aprendem as diversas disciplinas sofrem uma lavagem cerebral de seus mentores, que por sua vez também receberam uma lavagem no tempo de estudantes. Esse ciclo vicioso vem desde a época de Darwin, e tudo é motivado pela aversão as religiões e suas doutrinas alienantes.

Mas ironicamente a ciência nesse caso é deixada de lado, a verdade não faz parte dos interesses mais imediatos dos ditos “cientistas”, apenas a sua ideologia Materialista/Ateu, dentro do coração da ciência se estabeleceu uma religião!


Freud se tornou um pseudocientista, distorce as evidencias em favor da sua religião, a ciência? Isso não importa...

Então hoje, ainda vemos a figura de Freud dominando, e suas idéias ultrapassadas ainda são adotadas por padrão. Tudo por que os Ateus/Materialistas assim o querem. Criou-se então uma nova e virulenta religião, a religião que pretende derrubar as outras e estabelecer “Verdades Incontestáveis”, seus seguidores são cínicos, estúpidos, intencionalmente desonestos, mestres da sofisma [retórica mentirosa, clique aqui] e fazem de tudo para passar informações distorcidas, falsas e incoerentes ao publico leigo como se fossem “Verdades Científicas”.

As maiores vitimas de toda essa conspiração é as emissoras de TV, Jornais, Revistas. Os donos(as) e diretores(as) desses veículos de comunicação são leigos, não estudaram filosofia do método científico, nem filosofia básica eles tem noção. 

Ai quando chega um engravatado se dizendo “cientista” exibindo diplomas e PhD, esses leigos acreditam nele como se este fosse algum tipo de “enviado divino” o senhor da razão, o mestre dos mestres! E tudo o que ele diz é “sagrado”, mesmo que ele fale as maiores insanidades, tais como afirmar que peixes viraram macacos, mistura de pedra e água deu origem a primeira célula viva, lobo pula no mar e virou Baleia, etc...

Sigmund Freud sendo ovacionado pelo canal assumido materialista/ateu, o Discovery Channel

Apesar da oposição virulenta de Sigmund Freud, Carl Jung continuou seguindo as evidências até onde elas fossem dar, e assim foi muito mais longe no entendimento da natureza e da mente humana. 

Não que ele tenha resolvido todos os problemas, (longe disso), mas trouxe um progresso muito maior que Freud, que apesar de ter sido superado largamente, ainda é cultuado pela indústria da comunicação cujos donos são Materialistas/Ateus, (ou muito mal informados mesmo...).

FREUD X JUNG (QUAL ESTAVA CERTO?) | PSICOLOGIA
(Mensagem do Youtube: A incorporação foi desativada mediante solicitação)

Meu Comentário: Basicamente falando, o Freud era um Materialista Ateu Militante, e o Jung uma pessoa de fato sem religião nenhuma, (um paranormal) que seguia a metodologia cientifica à risca. Jung era honesto, Freud era desonesto e dissimulado, defendia a sua religião (o materialismo/ateísmo) em detrimento da verdade cientifica. Mas todo o trabalho de Freud tem de ser jogado no Lixo? Obvio que não! Pois sem Freud não existiria Jung, como o apresentador disse, os dois devem ser estudados e considerados, minha tendência maior é para as conclusões de Jung, (Obs. Que pode sim estar equivocado em alguns conceitos).

CARL GUSTAV JUNG - POLÊMICO E MÍSTICO:

Meu Comentário: Jung INCOMODA, tanto a Ateus/Materialistas como a Religiosos de todos os tipos. Não é "ciência vs ocultismo" é "ciência (Jung) contra Religiosos (Freud)". Ateus e Religiosos são a mesma coisa, são religiosos, todos eles inimigos da ciência, por isso ODEIAM Jung.

Carl Jung, apesar de toda a oposição de Freud continuou com a coerência cientifica, seguiu a metodologia cientifica de fato

Ainda há muito o que investigar e descobrir, mas enquanto as idéias reducionistas de Freud persistir, esse progresso será lendo e tortuoso. Só posso lamentar pela ciência e pela humanidade, que sofre...

Nessa imagem, Freud do lado esquerdo de quem olha a foto, no meio Stanley Hall, e Carl Jung a direita, ainda muito jovem. Stanley Hall é um materialista/ateu/reducionista, foi ele que fez a lavagem cerebral no Freud, Freud herdou e seguiu as ideias dele.


Freud bem no final de sua vida, nesse tempo só pensava em defender sua ideologia ateísta/materialista, ciência e verdade não eram coisas pelas quais se interessasse


Jung Seguiu o método cientifico a risca!

Um resumo competente do que foi o Trabalho de Freud, não que eu concorde com tudo o que foi dito, mas é interessante sim estudar o que fez e teorizou esse personagem que com seu trabalho escancarou muitas portas. Freud era ateu, e combatia intensamente as superstições religiosas a ponto de brigar feio com seu maior e mais importante discípulo Carl Gustav Jung ao qual ele acusava injustamente de ser “mistificador”. Carl Jung sofisticou todos os métodos de Freud e foi além, criando a psicologia analítica.

Sigmund Freud Resumo de sua vida e Obra - O Inconsciente Humano:

O LIVRO VERMELHO DE CARL JUNG - A Verdadeira Origem dos SONHOS:


Todos os livros de Carl Gustav Jung para baixar, Download Grátis:
http://www.wilsonfernandes.com.br/lista-de-livros-do-jung-para-download-gratis/


O estranho LIVRO VERMELHO de Carl Gustav Jung. Jung foi um dos psicólogos e psiquiatras mais importantes de toda a história. Seu professor foi Sigmund Freud, mas com o tempo acabaram tomando caminhos diferentes. Jung descobriu um conhecimento oculto quando estava em estado de vigília: Nem acordado, nem dormindo. 

E tentou interpretá-lo no Estranho Livro Vermelho que ficou escondido em um cofre por mais de 100 anos. Um século depois, chegou ao público e acabou revelando muitos segredos e conhecimentos do próprio Jung. Conhecimentos ligados aos Arquétipos Pré-históricos que o ser humano programou no inconsciente. Jung utilizou da Alquimia e dos textos mais antigos que descobriu em suas diversas viagens pelo do mundo. 

Ele queria compreender o inconsciente nos sonhos, tocar a Alma e poder ver algo parecido com Deus. E para isso mergulhou nos lugares mais profundos da mente, mas encontrou o lado sombrio, aterrorizando seus familiares. Porque toda vez que se trancava em sua Torre para escrever surgia estranhos fenômenos em sua casa. Mas o que Jung descobriu do outro lado? Qual é o mistério dos sonhos?


Entrevista - Carl Gustav Jung / Agosto de 1957 - Legendado em Português:


Assuntos Relacionados:

- Sigmund Freud contra Carl Jung - Materialismo e Ateísmo Vs Ciência Honesta e Lúcida: https://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2010/10/sigmund-freud-contra-carl-jung.html
- A Teoria dos Psicólogos - A Base de todo o Trabalho deles - Psicanálise - Psiquiatria: http://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2010/12/teoria-dos-psicologos-base-de-todo-o.html
- Controle das Massas - Teorias de Freud sobre a Natureza Humana usadas para Moldar a Sociedade - Governo: https://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2015/01/controle-das-massas-teorias-de-freud.html
- Carl Sagan - O Mundo Assombrado por Demônios - Livro: https://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2010/01/carl-sagan-o-mundo-assombrado-por.html
- Marilyn Monroe Assassinada por causa de John F. Kennedy - Full HD - Conspiração sobre a Morte da Atriz e Cantora: https://seteantigoshepta.blogspot.com.br/2015/12/marilyn-monroe-assassinada-por-causa-de.html

Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Tags: Carl Jung, Ciência Honesta e Lúcida, ciência real, filosofia, Materialismo e Ateísmo, naturalista, Sigmund Freud, religião,mistérios, mente humana, filme, filmes, documentário,Carl Jung, Ciência Honesta e Lúcida, ciência real, filosofia, Materialismo e Ateísmo, naturalista, Sigmund Freud, religião,mistérios, mente humana, filme, filmes, documentário, Sigmund Freud, contra, Carl Jung, Materialismo,Ateísmo,Ciência Honesta,Jung, Freud,

14 comentários:

Anônimo disse...

Bruno acesso o site todos os dias, sempre passo para dar uma olhadinha,adorei essa matéria de SIGMUND FREUD, estudei rapidamente psicologia em pedagogia e agora asssim me aprofundei mais nesta história.
Obrigado por escrever sobre tudo. De alguém que te admira muito.

PROVEDOR disse...

Desculpe, Bruno, mas preciso fazer uma correção! É sobre a foto do grupo acima. Freud é o que está a esquerda com a bengala e seu eterno charuto, no centro Stanley Hall, e O GRANDE JUNG se encontra a direita.

Excelente BLOG

JUAREZ

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Obrigado por ter avisado, problema corrigido, e pagina melhorada.

MEDIAocridade disse...

É a primeira vez que vejo em minha vida inteira alguém tentar fazer alguma relação entre o ateísmo e a adoção de uma postura pseudo-científica. Freud pode ter sido arrogante e ter fechado seus olhos a evidências contrárias às suas teorias, mas daí a relacionar isso com o fato de ser ateu materialista, desculpa, é muita viagem.

Vamos colocar na balança do quanto da ciência séria se deve a cientistas ateus e vemos aonde vai parar esse argumento.

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

O Materialismo/Ateísmo é uma religião, tem alguma duvida disso MEDIAocridade? Acha que uma ciência tomada por uma religião pode chegar muito longe?

Anônimo disse...

Raciocínio perfeito. Não sei qual é sua posição filosófica diante da vida, dos fenômenos físico/mentais, mas é exatamente isso. O materialismo adotou o status de "ciência" para os incultos, uma verdadeira tragédia cultural. Respeito um materialista autêntico, que reconhece sua posição filosófica diante da verdadeira ciência, mas um que não tem nem idéia do que fala, esse não merece nem o meu debate......

Soulreaper disse...

ateus são fracos porque não tem coragem para enfrentar a morte. Espiritualidade é para os fortes pois os fortes sabem que são ESPÍRITOS ETERNOS encarnados num corpo.

Anônimo disse...

Comentário perfeito. Eu costumo chamar a manobra manipulativa dos materialistas ignorantes de "Chave de Shopenhauer" e já logo aviso que conheço o contragolpe e que a humilhação é desnecessária (:

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Freud um materialista/Ateu militante: OUTRO PENSADOR QUE TEM SEUS CONCEITOS DISTORCIDOS É SIGMUND FREUD, O PAI DA PSICANÁLISE, QUE ASSIM COMO SEU SEGUIDOR MAIS FAMOSO JACQUES LACAN, NEGA A EXISTÊNCIA DE UM DEUS OU DE QUALQUER POSSIBILIDADE DE EXISTÊNCIA DE ALGO SOBRENATURAL OU MÍSTICO, QUE SÃO A BASE PRIMORDIAL DAS TEORIAS DA PRÓ-VIDA. http://pro-vida-bandida.blogspot.com/2008/09/celso-charuri-o-charlato-do-brasil.html

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

“Freud nunca curou nenhum paciente”- psicanalista de SP Luciana em 2010 comentando num blog que fala contra a organização Pró-Vida:
http://pro-vida-bandida.blogspot.com/2009/09/mais-um-email-genial-da-pro-vida.html

(Luciana: 31 de janeiro de 2011 ás 09:00hs)
Carta aberta ao Carlos (dono do blog pro-vida-bandida)

Olá Carlos tudo bem? Espero que você esteja na sua melhor forma. Comigo as coisas vão indo... às vezes bem, às vezes mal... como para todo mundo.
Permita-me apresentar-me, sou advogada, psicanalista (sua colega portanto) e técnico em informática (Sim é possível!).
Sou casada, não tenho filhos (ainda) moro com o marido e uma cachorrinha Yorkshire em São Paulo.
Meus Hobbys são viajar de moto, dormir demais, comer demais e pensar em coisas inúteis. (Eu estava falando de Hobbys ou vícios? Ah! Deixa prá-la...).
Não fumo, não bebo, não me drogo, porque já acho o lado amargo da vida ruim o suficiente
Antes de tudo concordo em pelo menos uma coisa com você. Há algo de podre no reino da Dinamarca, como disse o Hamlet de Shakespeare.
Desde já afirmo que não sou (nem nunca fui) membro da (aqui) mal versada instituição Pró-Vida.
É claro aparentemente que a Pró-Vida é uma pseudo-escola-de-filosofia-igrejinha-new-age-fanatista-facista-preconceituosa-equivocada-não-científica-caça-níqueis-engana-Joe.
Mas será que pode ser outra coisa? Existe essa hipótese (científica)?
Gostaria, porém, de (tentar) aprofundar um pouco o debate.
Tenho permissão para isso? Vou supor que sim, afinal de contas o Blog fala em “Liberdade de expressão doa a quem doer”. Bom, desculpe, mas talvez doa, um pouco, em você. Vamos lá?

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

parte 02: Achei seu blog interessante. É um mix, no mínimo, curioso, vejamos: um psicanalista, que se diz cético, tem o trabalho de montar (e manter) um Blog opondo-se à Pró-Vida, seu fundador e seus membros.
Parece, me corrija se eu estiver errado, que trata-se de uma utilidade pública, eis que o Blog teria o condão de afastar os (menos) “trouxas” do lugar.
Tenho, imagino, algumas coisas a acrescentar. Sobre o ceticismo, ateísmo, racionalismo, gnosticismo:
O Blog tem forte conteúdo ateísta, e faz parece irracional quem crê em alguma forma de deus. Seríamos, portanto, nós, ateus, “racionalistas”.
Coloco racionalista entre aspas porque quando um ateu ou pseudo ateu se diz racioanal, faz supor que os crentes, ou crédulos são irracionais.
Sabemos que a história da humanidade, lista diversos gênios, ateus e crédulos, uns não parecem melhores ou piores que o outros.
Logo se gênios podem ter sua fé, os crédulos estão absolvidos da sua burrice. Sou, sinceramente, e infelizmente, assim como você, um incrédulo. Não acredito na existência de um Deus cristão, ou Judeu, ou Hindu, ou Pagão, ou coisa parecida.
Penso que todos nós, ateus, agnósticos, céticos, incrédulos em geral, somos, às vezes, como você parece, revoltados com o fato de termos descoberto (!?) que deus não existe.
Porque ficamos raivosos? Será que no fundo gostaríamos de poder acreditar em algo.
Por isso persegui todas as religiões que pude. Tentei descobrir a verdade por trás delas, e sabe o que descobria? Todas elas acabam no nada. É como uma cebola com várias camadas, que depois de removida a última camada fica... vazia.
Não tem nada depois da última camada. Interessante que a psicanálise utiliza-se da mesma metáfora (da cebola) para descrever o recalque original...
O que, nós, incrédulos, céticos, ateus, agnósticos, muitas vezes não percebemos é que não acreditar em deus também é uma crença.
No seu Blog você critica os crédulos da Pró-Vida de serem arrogantes por pensarem que são melhores por terem (ou acharem que tem) um conhecimento.
Ora, e nós, incrédulos que nós achamos melhores por termos “descoberto” que deus não existe, somos o que? Humildes? Será que deus não existe mesmo? Só porque não se “mostrou” da forma como nós, céticos, ateus, agnósticos e incrédulos gostaríamos? Ou porque não nos deu a capacidade de percebe-lo?

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Parte 03: E afinal de contas o que é religião?
Alguns dizem que Religião do latim vulgar: "religio" que significa "prestar culto a uma divindade", “ligar novamente" significaria simplesmente "religar".
Mas a pergunta psicanalítica seria: religar a o que ou a quem e o mais importante... quem desligou?
Sobre a psicanálise:
Chegamos a um ponto importante, a psicanálise. Você, meu colega psicanalista, sabia que a psicanálise é comparada a uma religião por pessoas muito inteligentes? Jô Soares e Woody Allen entre muitos outros.
Verdades inconvenientes obre a psicanálise:

- Freud não curou nenhum de seus pacientes;
- Freud receitou cocaína em doses tão altas a um paciente que acabou morrendo;
- Freud consumia muita cocaína;
- O paciente de Freud do Caso do Homem dos Ratos (que Freud alardeou ter curado) morreu aos 84 anos e ainda estava em análise;
- Abílio Diniz está em terapia psicanalítica há mais de 10 anos... (Será que o problema dele é insolucionável ou ele não pode pagar um bom profissional?).
Parece que você alega ser psicanalista Lacaniano, sobre isso Jean Jacques Lacan disse:
- “Vocês pode ser o que quiserem, até mesmo Lacanianos, mas eu Lacan, sempre fui Freudiano”.
Ser lacaniano, para quem não sabe, muitas vezes no meio da psicanálise, é um salvo conduto para agredir o paciente com verdades e posturas para a qual muitas vezes ele não está preparado.
É a famosa psicanálise selvagem. Voltando a Freud... Freud era filho de um rabino e foi acusado por estudiosos de plagiar conhecimentos da religião Judaica para formar sua psicoterapia “científica”.
Ciência: Chegamos a outro ponto interessante. O que é ciência?
Pelo que aprendi na faculdade há alguns anos temos um método “científico” para qualificar o que é “ciência”. Chama-se metodologia científica. É utilizada por.... cientistas...
É mais ou menos assim, se tal fato puder ser repetido pelas mesmas ações e dentro de certos critérios, ele será comprovável e portanto científico.

Complicado?

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Parte 04: Veja... Os cientistas criaram um método científico para diferenciarem o que é ciência do que não é, a isto deram o nome de Metodologia Científica.
Ah?! Você deve estar perguntando e quem são os cientistas? Simples, as pessoas que estudam as ciências oras...
Então os cientistas, que são os homens da ciência, decidem, através de um protocolo deles (científico) o que é ou não ciência.
Para mim isto tem outro nome: raciocínio circular, começa no mesmo ponto onde termina. Para os gregos, ciência era saber, somente isso.
Mas nós, incrédulos, nos baseamos na ciência, para “provar cientificamente” que os outros estão errados.
A igreja católica, já fez isso, a ciência estava ao lado dela até bem pouco tempo atrás.

E afinal de contas, a psicanálise é científica? Ou seja, submetendo-se os mesmos pacientes aos mesmos tratamentos temos os mesmos resultados? Sabemos que não.
E o Direito? Uma mesma questão submetida ao mesmo juízo terá o mesmo resultado? Sabemos que não.
Mas tanto a Psicanálise quanto o Direito alegam serem métodos cientificamente aprovados, comprovados, chancelados e infalíveis. A Pró-Vida só faz o mesmo que nós, e achamos muito desonesto...
Você, como psicanalista já “curou” alguém? Ou “deu alta” psicanalítica quando a pessoa se encaixou no modelo Freudiano ou Lacaniano de fala que você acredita ser saldável.
Se for assim, você acredita, tem fé em algo, talvez na psicanálise... Todos nós, felizmente, somos crédulos em algo. E corremos o risco de estarmos errados.
Acreditamos que temos as respostas, e defendemos as nossas convicções. Ah?! E se, apenas por hipótese, a Pró-Vida souber a resposta e cobrar somente R$ 400,00 pela solução para minha dúvida ficarei satisfeito em pagar...
Falando nisso Carlos... quanto custa a sua consulta? Você tem as respostas para você mesmo? E para todos os outros elas servem? Será que servem para os “trouxas” da Pró-Vida”.
A psicanálise também vende suas respostas, bem caro, de conta gotas e quem não aceita é taxado de psicopata, psicótico, border line, esquizofrênico, paranócio, autista, histérico ou neurótico.

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

05: Em resumo Carlos:
A crença na inexistência de um deus, não é melhor ou mais inteligente que a crença de que existe alguma espécie de divindade.
A crença na existência de métodos para o aperfeiçoamento da mente e de meditação não estão tão longe assim da psicanálise com que você trabalha, acredite.
Se você pode cobrar pelas suas respostas, ainda que elas não sirvam para todos, a Pró-Vida deve, numa democracia, poder fazer o mesmo.
E quando você fundar um grupo que faça mais caridade que a Pró-Vida, aí, então você fala mal do fundador da Pró-Vida. (Caridade é científico?).
Eu poderia ter escrito só isso, mas pessoas “científicas” percorrem um longo caminho para acreditarem (terem fé) em algo. (e ainda se acham mais inteligentes).

Um abraço

GoogleAnalytics

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. (Bruno Guerreiro de Moraes)