segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Eliza Samudio é Atriz Pornô - Por isso Merece Pena de Morte? - Polêmica - Crime - Preconceito

Você Sabe o que é "O Salto Quântico Genético"? [Clique Aqui]

Machismo e a Estupidez Generalizada do Povo
Por:  Contardo Calligaris, psicanalista italiano radicado no Brasil. É colunista da Folha de São Paulo.

- “É uma idéia antiga: uma mulher, que se ousa desejar, só pode ser uma “puta”, com a qual tudo é permitido... (estuprá-la, estropiá-la, mata-la...)”
Estupidamente torturada e assassinada, Eliza Samudio. O único crime dela? Tentar ganhar a vida com sua beleza...

Videos Sobre o Caso
Documentário Até que a Morte nos Separe:


Eliza Samudio - Principais Videos Reunidos - Varias Denuncias antes de ser Morta

RESISTI a pedidos e pressões para que comentasse o caso do goleiro Bruno. Não gosto de especular sobre investigações inacabadas ou acusações ainda não julgadas. No entanto, especialmente nos crimes midiáticos, sempre há fatos e atos que merecem comentário e que não dependem da culpa ou da inocência de suspeitos ou acusados. Por exemplo, durante a investigação sobre a morte de Isabella Nardoni, o fato mais interessante era a agitação da turba: diante da delegacia de polícia, os linchadores pulavam e gritavam indignados só quando aparecia, nas câmeras de TV, a luz vermelha da gravação.

Há turbas parecidas no caso do goleiro Bruno. E, além das turbas, também alguns delegados de polícia parecem se agitar especialmente quando as câmeras estão ligadas, o que, provavelmente, não contribui ao progresso das investigações. Mas o que me tocou, nestes dias, foi outra coisa. Segundo o advogado Ércio Quaresma Firpe, que defende o goleiro Bruno, a polícia estaria investigando um crime inexistente, pois Eliza Samudio estaria viva e se manteria em silêncio e escondida pelo prazer de ver o Bruno acusado e preso. Para perpetrar essa vingança, aliás, Eliza não hesitaria em abandonar o próprio filho de cinco meses... É uma linha de defesa que faz sentido, visto que, até aqui, o corpo de Eliza não apareceu. Mas o advogado Firpe, para melhor transformar a vítima presumida em acusada, tentou apontar supostas falhas no caráter de Eliza soltando uma pérola: “Essa moça”, ele disse, “é atriz pornô”.

Posso imaginar a expressão que acompanhou essa declaração: o tom maroto que procura a cumplicidade de quem escuta, uma levantadinha de sobrancelhas para que a alusão confira um valor especialmente escuso à letra do que é dito. Estou romanceando? Acho que não. De mesa de restaurante em balcão de bar, já faz semanas que ouço comentários parecidos, de homens e mulheres, mas sobretudo de homens: Eliza Samudio era “uma maria chuteira”, uma mulher fácil... Será que essas “características” de Eliza absolvem seus eventuais assassinos? Claro que não, protestariam imediatamente os autores desses comentários. Mas o fato é que suas palavras deixam pairar no ar a idéia de que, de alguma forma, a vítima (se é que é vítima mesmo, acrescentaria o advogado Firpe) fez por merecer...

Pense nos inúmeros comentários sobre o caso de Geisy Arruda, aluna da Uniban: tudo bem, os colegas queriam estuprá-la, isso não se faz, mas, também, como é que ela vai para a faculdade com aquele vestidinho curto e tal? 
No processo contra um estuprador, por exemplo, é usual que a defesa remexa na vida sexual da vítima tentando provar sua facilidade e sua promiscuidade, como se isso diminuísse a responsabilidade do estuprador. Isso acontece até quando a vítima é menor: estuprou uma menina de 12 anos? Cadeia nele; mas, se a menina se prostituía nas ruas da cidade, é diferente, não é? Diante de um júri popular, essas considerações funcionam, de fato, como circunstâncias atenuantes: talvez estuprar “uma puta” não seja bem estupro... Em suma, quando a vítima é uma mulher e seu algoz é um homem, é muito freqüente (e bem-vindo pela defesa) que surja a dúvida: será que o assassino ou o estuprador não foi “provocado” pela sua vítima? Atrás dessa dúvida recorrente há uma idéia antiga: o desejo feminino, quando ele ousa se mostrar, merece punição.

Para muitos homens, o corpo feminino é o da mãe, que deve permanecer puro, ou, então, o da puta, ao qual nenhum respeito é devido: uma mulher, se ela deseja, só pode ser a puta com a qual tudo é permitido (estuprá-la, estropiá-la). Além disso, se as mulheres tiverem desejo sexual próprio, elas terão expectativas quanto à performance dos homens; só o que faltava, não é? Também, se as mulheres tiverem desejo próprio, por que não desejariam outros homens melhores do que nós? Seja como for, para protestar contra a observação brejeira do advogado Firpe, mandei fazer uma camiseta com a escrita que está no título desta coluna. Mas o ideal seria que ela fosse adotada pelas mulheres. Podem mandar fazer, sem problema; o advogado Firpe não tem “copyright” da frase.

Eliza Samudio, moça bela e carismática morta brutalmente

                             Nota do Dono do site Sete Antigos Heptá:                              

É triste, mas a sociedade brasileira ainda é extremamente machista, e possui ainda um moralismo barato que herdou da já muito superada igreja católica, como é um país majoritariamente cristão essa filosofia de boteco continua a ser eternizado. Alimentado por textos antigos, distorcidos e sem nexo, rascunhados há mais de 2 mil anos... A estupidez é secular... Claro que devemos ainda levar em conta o instinto sexual puramente animal que levamos - [Clique Aqui] - O Macho que transa com varias mulheres é o 'Pegador', o 'Garanhão', o 'Macho Alfa', admirado e invejado pelos outros machos menos aptos. Já a fêmea que transa com vários machos, essa é a "Puta", a "Biscate", a "Vagabunda", a "aproveitadora", etc... termos estes proferidos quase sempre pelas próprias mulheres, uma contra a outra. Isso vem do instinto, e não há qualquer lógica. O ser humano sendo racional, consciente, deveria banir esse aspecto animal de si, assim como tenta banir o instinto de roubar. Mas desgraçadamente a religião motiva o instinto do ciumes, da posse, da liberdade masculina, em detrimento da feminina. 

Desgraçadamente as pessoas são estupidas, nem param para pensar sobre o que sentem, fazem, seguem. Elas são como vacas e bois que apenas segue o rumo da boiada, nem sabem quem são os lideres, para onde os lideres as estão levando, quais suas intenções. Se a maioria está indo para um lado, o boi e vaca comum segue para o tal lado, sem pensar, sem questionar, sem nem sequer tomar consciência. Assim é a Massa do População Humana, uma grande boiada burra e sem rumo...

- “95% das pessoas são retardadas, 5% salva a humanidade...” [Ziraldo Alves, cartunista, dramaturgo, escritor, cronista, desenhista e jornalista brasileiro]

Busca no Xvideos por Filmes Pornô de Eliza Samudio - [Clique Aqui

Fonte:

Sites Recomendados:

- Basta de violência contra as mulheres: JUSTIÇA PARA ELIZA!:

- Site sobre a questão dela ser Atriz Pornô:

Assunto Relacionado:

Pagina Índice, tudo sobre Religião:

Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza.

Tags: advogado, assassinato, Atriz pornô, bola, caso bruno, crime, eliza e bruno, Eliza Samudio, futebol, goleiro bruno, julgamento, julgamento dos criminosos, macarrão, morta, morte, são paulo,

11 comentários:

Estevão disse...

Até quando esse brasil vai continuar com essas rédeas???

Gostei muito do seu ponto de vista, pena que o brasil não pensa assim, essa "Alimentado por textos antigos, distorcidos e sem nexo, rascunhados há mais de 2 mil anos..." já foi e está indo longe de mais...

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Olá Estevão, é verdade, uma coisa que o psicanalista Contardo Calligaris não ousou criticar foi a religião.

Esse é um texto retirado do jornal Folha de S.P., onde ele tem uma coluna.

Logicamente o jornal o censurou para não inflamar os leitores cristãos.

Ao ler o texto dele, senti essa "amarra", por isso escrevi a nota logo abaixo. Já que não tenho que me preocupar com instituições religiosas.

Esse assunto é para mim, qualificado como Religioso, tinha esquecido de colocar uma ligação para o índice sobre religião aqui no site no fim do post, e você me lembrou.

Acesse a pagina e leia mais artigos sobre minha opinião quanto as religiões.

Abraço!

Roder disse...

Pois é... Eu não tenho nem comentários a respeito disso. Só uma coisa, a majoritariedade machista precisam um dia passar pela mesma experiência do que Eliza passou para deixarem de serem assim... Valeu por mais essa postagem! Muito interessante o conteúdo.

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

08/03/2013 01h35 - Atualizado em 08/03/2013 15h01
Goleiro Bruno é condenado a 22 anos e 3 meses; ex-mulher é absolvida
Júri culpou o jogador por homicídio, ocultação, sequestro e cárcere privado.
Dayanne Rodrigues foi absolvida pelo sequestro e cárcere do filho de Eliza.

http://g1.globo.com/minas-gerais/julgamento-do-caso-eliza-samudio/noticia/2013/03/bruno-e-condenado-prisao-por-morte-de-eliza-ex-mulher-e-absolvida.html

tricolor disse...

Lógico que a mulher não deve ser morta nem ser estuprada. Ponto. Mas este é um caso típico de golpe da pensão. Era só botar ela para bancar o bebê sozinha. Mas ela já estava pedindo dinheiro grosso, lógico. Mas creio que o autor concorde comigo, afinal se arvora de estar fora da matrix... e não vai pensar como os 95% de imbecis, ou seja, pensão nele! senão cadeia! 50 mil por mês de pensão! Moralismo... Abortasse então.

tricolor disse...

concordo, mas ela se quissesse o bebê mesmo deveria bancar sozinha, ou então abortado. Mas para pensar assim a pessoa deve estar nos 5% de não imbecis, como creio que eu esteja e também o autor. Afinal, o autor não está na matriz e não deve ter visão reacionária de pensão nele! ou prende por não querer assumir o filho! (ora casais de lesbicas o filho não tem pai e está tudo ok com o bebÊ)

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Tricolor, o Bruno, goleiro, errou, e feio, ele poderia ter tomado uma outra atitude, ter tido uma ideia completamente diferente. Ele poderia, por exemplo, ter a Eliza como uma das mulheres do seu harém, já que ele tinha relações com varias.

Ele poderia sim pagar os 50 mil de pensão, já que isso não era grande coisa, afinal ele era um jogador de sucesso, e estava crescendo ainda mais, ele eventualmente poderia até jogar na seleção brasileira. Então é dai gastar 50 mil?

Ele poderia ter mantido no minimo uma gostosa amizade com essa linda mulher, experiente no sexo, atriz pornô de talento. Uma amizade colorida, onde rolaria uma relação sexual de vez em quando. Mas não... ele tinha que ser egoísta, arrogante, estupido.

Orgulho ferido! Ego inflado! Pura burrice mesmo...

Pena que não há pena de morte no Brasil, esse ai CERTAMENTE mereceria ir para a cadeira elétrica.

Pela PURA burrice!

tricolor disse...

Ora, mas esta postura destas mulheres somente estimula a industria da pensão destas vigaristas. Mas lógico que ele é um psicopata e deve ser preso. Ela e ele tem seus erros. Só acho que se não existisse esta industria da pensão muitas histórias seriam diferentes. Quem defende pensões como as dele seriam defende o modelo patriarcal de família, onde o homem tem que prover monetariamente a mulher e o filho, forma que no caso dele seria somente filho biológico, o que cada vez faz menos sentido hoje em dia, pois veja inseminação artificial em lésbicas (onde não se precisa ter um pai oficial) e todo mundo acha normal.
Mas como disse, para pensar que nem eu estou escrevendo tem que estar desperto para raciocinar diferente sem modismos de politicamente correto.

Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Tricolor, otário de quem cai na pegadinha. Por que o Goleiro Bruno, e todos esses outros otários não fizeram vasectomia para garantir não engravidar mulher alguma?

Ou vai me dizer que o Bruno não tinha dinheiro para fazer vasectomia?

Gente burra como ele tem de ser explorado mesmo, feito de otário, e enganado.

Ele poderia fazer esse limão, virar limonada, poderia ter assumido ela como amante, ou mulher, e até hoje estaria rolando na cama com essa mulher que é uma profissional do sexo de talento. chegou a ver os videos pornô dela? Simplesmente pura Arte!

Mas não.... o macho de orgulho ferido tinha de "lavar a honra" matando, esquartejando, e triturando os pedaços dela num liquidificador.

Anônimo disse...

Discordo, Bruno.
Leis deve punir quem faz "pegadinhas" e não quem é vítima delas.
Com a pensão alimentícia, o Estado legalizou a golpe da barriga.
Muitas mulheres não pensam duas vezes quando encontram um "bom partido" e engravidam. Quando erram na escolha do bom partido, elas abortam.
Isso é péssimo para a sociedade.

O cara ser "Pegador" por pegar várias mulheres é compreensível, porque é difícil para um homem pegar várias mulheres. A sociedade valoriza o que é difícil.
Como para mulher pegar vários homens é fácil, a sociedade a desvaloriza.
Enquanto o difícil para o homem é pegar várias mulheres, o difícil para a mulher é ficar sozinha.
O homem é desvalorizado por ficar sozinho e a mulher é desvalorizada por ficar com vários homens.

Ass. Vitor


Bruno Guerreiro de Moraes disse...

Você discorda Vitor? Então ela merece pena de morte? É isso ??

Um tanto choroso essas suas declarações não...? Sofre de complexo de inferioridade? Seja HOMEM Vitor, deixe de ser moleque...

GoogleAnalytics

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. [Bruno Guerreiro de Moraes]