quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Pastor Silas Malafaia Manda... Marina Silva obedece! Uma Presidenta Religiosa!!

Assuntos Relacionados:

 - Aécio Neves Falou e Disse: "MEU GOVERNO VAI SER IMPOPULAR!" - PSDB - Tucano - Eleições 2014 – Presidente - [Clique Aqui]
- O PIBinho* é culpa dos bancos! Claramente os bancos estão Sabotando a Economia Brasileira [Produto Interno Bruto (PIB)] - Eleições 2014 - [Clique Aqui]
- Marina Silva - Pela Defesa dos Interesses de Banqueiros e dos Pastores Evangélicos - Fanática Religiosa - [Clique Aqui]
- Aécio Neves Corrupção - Corrupto - Denuncias - Roubo - PSDB - Escanda-los - Mentiras - Eleições 2014 - Presidente - [Clique Aqui]

Pressionada por Pastor, Marina Silva muda plano de Governo - 31/08/2014 | 22h53
 Artigo, Fonte [Clique Aqui]

Marina será a presidenta, mas quem vai governar mesmo serão os pastores de igrejas evangélicas, estes que fazem extorsão na cara de pau, e não são processados, estes pastores charlatões serão os verdadeiros governantes do País

Propostas em defesa dos homossexuais foram excluídas do documento um dia após a divulgação do texto. Candidata à Presidência da República pelo PSB fala em “engano”.

O programa de governo de Marina Silva (PSB) não suportou 24 horas e alguns tuítes do pastor Silas Malafaia. Divulgado na sexta-feira com promessas de defesa dos direitos da população homossexual, o documento acabou remendado no sábado. Foram excluídas as propostas de apoio ao casamento gay e à criminalização da homofobia. Em nota, a equipe do PSB alegou “falha processual na editoração do texto”. Em visita ao Rio, Marina disse que houve um “engano” da campanha. Segundo a candidata, a versão original trazia “o texto tal como foi apresentado pela demanda dos movimentos sociais”, sem o resultado da “mediação” da candidatura. Já Beto Albuquerque, vice na chapa de Marina, deu uma explicação diferente  - “O equívoco foi assumir compromissos com projetos de lei no Congresso, o que é uma invasão de competência” - Na prática, houve recuo em relação aos pontos mais polêmicos e rejeitados pelos pastores de denominações evangélicas, nas quais está parte considerável do eleitorado de Marina. A própria candidata pertence à igreja Assembleia de Deus. Logo após a divulgação do programa, na sexta, ao mesmo tempo em que as redes sociais registravam manifestações de apoio da comunidade LGBT, pastores e políticos da bancada evangélica disparavam críticas. Para Malafaia, texto “melhorou muito”.

Um dos mais duros foi o pastor Malafaia, que chegou a fazer ameaças. Após a mudança no programa, disse que “melhorou muito” e ressaltou que os evangélicos decidem “qualquer eleição”. Já o deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), defensor da causa homossexual, afirmou que a candidata mentiu ao eleitorado – “Marina, você não merece a confiança do povo. Mentiu a todos nós e brincou com a esperança de milhões de pessoas”.

E agora Ateus e Agnósticos? É sentar e chorar...
Chorando de Felicidade! Marina Silva e Pastor charlatão Marcos Feliciano


Comentários no site:

- joão inácio da silva:  ele pode pressionar porque ele é da mesma igreja dela e ela é evangélica pentecostal, além disso, tb é missionária. Neste caso, é impossível dissociar a religião da pessoa, já que marina jamais fará qualquer coisa que vá contra os crentes. É assim que funciona com os pentecostais. E Marina, sendo crente e política, sabe que se nos cultos os pastores disserem para o rebanho não votar mais nela, TODOS farão isso, pois para eles o que o pastor diz tem o mesmo valor do que, hipoteticamente, Deus diz. E estamos falando de algo em torno de 20% da população, uma população que só faz aquilo que o pastor manda. A política pentecostal é muito diferente da política laica.

- Jorge:  Não tenho dúvida que os crentes cumprem o que o pastor diz. Tanto é assim que trazem ofertas especiais para os pastores comprarem: fazendas. canais de TV, Jornais, Mansões e etc.. tudo em nome da pro.peridade. Queres dizer que a Marina vai governar , caso eleita, pelo que determinar o Malafaia?

- Fernando Borba: Tens o pleno direito de defender pelo visto a tua candidata, porém tornar-se repetitivo é desnecessário, exceto se pretenda assim enfatizar algo que pelo visto não é a verdade, ou seja se existe algo com que Marina Silva tem que ser comprometida é com o eleitorado evangélico, e estes todos sabemos como veem o assunto em questão, cabe também lembrar que se Marina é tão convicta em suas posições, o porque de tão volúvel trajetória política, sem falarmos das últimas 72h quando pressionada por Silas Malafaia, mudou radicalmente seu discurso, e por fim Rafael Souza, o sol não teu o seu brilho oculto por uma simples peneira.

- Elfeli: E o que você acha do Cura gay que ela tanto defendeu junto ao Marco Feliciano? Acorda rapaz, o Brasil na mão dessa louca vai virar uma igreja desvairada! E o dinheiro no bolso do Malafaia!

- joão inácio da silva: Segundo o IBGE, quase 23% da população brasileira é composta por evangélicos (o que inclui gente muito diferente entre si como os liberais luteranos, os radicais pentecostais e os fanáticos neo-pentecostais). Li na Folha de S. Paulo um cara da USP dizendo que estes percentuais estão defasados e que os evangélicos estão perto dos 30% da população. Aliás, segundo ele, o Brasil registrou o maior crescimento de um segmento religioso, num pais ocidental, no menor espaço de tempo, em todo o planeta, em toda a história. Coincidentemente ou não, foi a partir dos governos petistas. Os evangélicos têm muito mais força do que as pessoas pensam. E, eu pessoalmente, acho isso muito ruim. Qto à Constituição, tantos e tantos políticos rasgaram e a rasgam na nossa cara, que se Marina ganhar e começar a dar um viés religioso ao seu governo não será surpresa nenhuma.


Você Sabe o que é "O Salto Quântico Genético"? [Clique Aqui]

Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Tags: Pastor Silas Malafaia,Manda.Marina Silva, obedece,Uma Presidenta Religiosa,marcos Feliciano,igreja evangélica,cristã,igreja universal,bispo Macedo,templo de Salomão,jesus,

7 comentários:

Anônimo disse...

A Marina Silva e' uma otima candidata, ideias muito claras, a considero uma pessoa extremamente inteligente, pena que seja extremamente influenciavel,a igreja esta ofuscando a sua luz, Marina, se vc puder ler esse blog, eu te falo, nao se deixe influenciar pela igreja,pastor, seja vc mesma, va a frente com as suas ideias, nao deixe profecia do diabo te enganar, nao deixe, nao acredite, va pela sua estrada, o Brasil precisa das suas ideias mas sem ser influenciadas por ninguem.

soraia disse...

Que pena, uma mulher que poderia ser alternativa ao governo populista que traiu a esquerda, marina se revelou uma simples empregada de silas malafaia e outros como ele, perdendo os votos de quem entende a absoluta necessidade do estado laico

Rafael Souza disse...

Marina não se submeteu a Silas Malafaia, nem recuou nas suas posições, que são as mesmas desde 2010. Ela sempre defendeu a igualdade de direitos entre homoafetivos e heteroafetivos no que diz respeito à união civil, com compartilhamento de plano de saúde, partilha de bens e todos os demais direitos do Código Civil. Lembrando que seu programa de governo defende, abertamente, a adoção de crianças por homossexuais!: http://marinasilva.org.br/programa/#pagina-116

Só não usou a palavra "casamento" para evitar problemas com um eleitorado de dezenas de milhões, onde muitos veriam nisso uma interferência nas práticas religiosas: https://www.youtube.com/watch?v=fcsY4bFTaEE

Ela respeita mais o Estado laico que a agnóstica Dilma, que se curvou à bancada evangélica para tirar o kit anti-homofobia da escolas, enquanto Marina teve a coragem de peitar essa mesma bancada para barrar um projeto de lei que previa a colocação de uma Bíblia em cada biblioteca pública (deixando de citar os livros de outras religiões). Em 2010, o Malafaia a criticou duramente não só por isso, mas também por defender a igualdade de direitos entre gays e héteros: http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/eleicoes-2010/malafaia-ataca-marina-de-novo-voce-nao-merece-o-voto-do-povo-de-deus/

Rafael Souza disse...

Quando o programa de governo de 2014 de Marina foi lançado, ele trazia a defesa do aumento do uso da energia nuclear (coisa que ela, como ambientalista, sempre rejeitou, e jamais poderia aceitar) e do casamento civil homossexual (expressão que ela sempre evitou, preferindo falar em "união civil"), além de apoio ao PL 122 (que criminaliza a homofobia).

Rapidamente os erros foram detectados, para que se ajustassem à versão que havia sido combinada após a discussão interna dos integrantes da campanha.

O Malafaia sempre apita quando alguém defende direitos aos homossexuais, e não poderia perder a oportunidade: no lançamento da primeira versão, gritou que o programa de Marina usava a linguagem do meio gay, e que era uma atentado à família... Mesmo após a alteração, ele continuou desgostoso, dizendo que "palavras foram mudadas, mas a essência é a mesma": http://www.otempo.com.br/cmlink/hotsites/elei%C3%A7%C3%B5es-2014/melhorou-muito-diz-malafaia-sobre-revis%C3%A3o-de-programa-do-psb-1.908302

Rafael Souza disse...

Foi NESTE momento (APÓS a alteração do programa) que o Malafaia deu um "prazo" para a Marina se manifestar, sob pena dele proferir uma crítica ineditamente dura.

O que Marina fez? Nada! Continuou defendendo o que já defendia desde 2010 (e que constava na versão final do programa).

O Malafaia continuou chateado, mas disse que votaria nela no 2º turno só pra tirar o PT do poder, e agiria no Congresso (por meio da bancada evangélica) para impedir a aprovação das propostas marineiras para os gays: http://www.otempo.com.br/cmlink/hotsites/elei%C3%A7%C3%B5es-2014/pastor-silas-malafaia-anuncia-apoio-a-marina-no-2%C2%BA-turno-1.909411

O Feliciano, da mesma forma é anti-PT (basta entrar no seu site). Seu voto para Marina seria mais um "voto útil" que qualquer outra coisa, já que ele sempre a criticou por não apoiar o fundamentalismo: http://portugues.christianpost.com/news/feliciano-nao-poupa-criticas-a-marina-silva-hipocrisia-crista-e-oportunismo-em-pauta-18294/

Rafael Souza disse...

Um dos autores das propostas constantes da 1ª versão do programa já deu seu testemunho sobre o que aconteceu: https://br.noticias.yahoo.com/marina-tem-preconceitos-diz-candidato-gay-rede-231200943.html

Se você quiser, pode consultá-lo diretamente: https://www.facebook.com/VanderleiFernandessp?fref=ts

O Marcio Sales Saraiva, que também ajudou a escrever as propostas, continuou apoiando Marina: https://www.facebook.com/marciosaraiva2013?fref=ts

A advogada transexual Giowana, de igual modo, que também foi autora das propostas, reconheceu que o programa de Marina continuou inclusivo após a alteração, e não desistiu de apoiá-la: professormarciosaraiva.com.br/advogada-e-militante-lgbt-giowana-fala-sobre-marina-silva-e-outros-babados/

E o coordenador nacional de combate à homotransfobia do PPS não deixou de responder ao Malafaia: https://www.youtube.com/watch?v=eYXs-Spjz2U&feature=youtu.be

A retirada da proposta de agir pela aprovação do PL 122 foi sábia: a tão pouco tempo da campanha, ficaria difícil conscientizar a população do que realmente representa esse projeto (que vem sendo demonizado, há anos, no púlpito de igrejas); mas note que Marina NÃO se comprometeu a vetá-lo! No lugar do apoia ao PL 122, a versão final do programa diz que deverão ser "criados mecanismos para aferir o crime de homofobia". Se vc não sabe, a Constituição diz que só pode haver crime com lei que o defina - o que significa que o programa ESTÁ, SIM, defendendo a criminalização da homofobia.

Rafael Souza disse...

O mesmo diz respeito ao "kit gay": o programa propunha criar um material didático voltado à conscientização contra a homofobia e o bullying nas escolas, e agora diz apenas que esse tema deve ser incluído na grade escolar. Foi conveniente, pois a referência ao "material didático" levaria muita gente a entender que ela pretendia mostrar vídeos de gays namorando... É ridículo, mas muita gente acha que o "kit gay" do PT mostrava (e defendia) tais coisas.

Um usuário do Facebook já disse: “Prefiro um candidato que faz uma errata e conserta um erro que está no papel durante sua campanha, do que votar em um candidato que não admite os erros de sua administração, que os esconde e que finge que está tudo bem no país”.

A prova irrefutável de que Marina não é fanática, e tolera as diferenças (inclusive quanto à orientação sexual), está neste testemunho de um ex-assessor (gay e líder de candomblé): https://www.facebook.com/video.php?v=10152768645011385&fref=nf

Aqui tem uma entrevista escrita com ele: http://terramagazine.terra.com.br/blogdaamazonia/blog/2014/08/28/marina-pode-ser-elo-dos-religiosos-com-o-movimento-gay-diz-lider-lgbt-do-acre/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

wibiya widget

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. [Bruno Guerreiro de Moraes]