sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Marina Silva - Defesa dos Interesses das Igrejas e dos Banqueiros - Ironia e Desonestidade

Assuntos Relacionados:

 - Aécio Neves Falou e Disse: "MEU GOVERNO VAI SER IMPOPULAR!" - PSDB - Tucano - Eleições 2014 – Presidente - [Clique Aqui]
- O PIBinho* é culpa dos bancos! Claramente os bancos estão Sabotando a Economia Brasileira [Produto Interno Bruto (PIB)] - Eleições 2014 - [Clique Aqui]
- Marina Silva - Pela Defesa dos Interesses de Banqueiros e dos Pastores Evangélicos - Fanática Religiosa - [Clique Aqui]
- Aécio Neves Corrupção - Corrupto - Denuncias - Roubo - PSDB - Escanda-los - Mentiras - Eleições 2014 - Presidente - [Clique Aqui]

Irônica Marina Silva candidata a presidente diz que poderá convocar plebiscito para decidir sobre direitos de minorias caso eleita, como por exemplo os Gays e Lésbicas, ao ser perguntada se faria referendo para decidir se as Igrejas deveriam continuar recebendo ou não isenção fiscal, disse que Não! Fonte: [Clique Aqui]. Se são minorias, então é OBVIO que as propostas não serão aprovadas... afinal estamos falando de direitos de minorias perante uma maioria... A "nova politica" de Marina é na verdade a velha e já manjada doutrina preconceituosa e segregadora da religião cristã que vigora há mais de 2 mil anos. Ela propõe voltar a Idade Média, substituir a constituição pela Bíblia, reacender as fogueiras da inquisição, e perseguir como hereges todos aqueles que não acreditarem no "Salvador" que não Salva ninguém... Então Votem Marina Silva presidente se vocês querem o retorno para a Idade das Trevas aqui no Brasil em pleno século 21... Vote 40!


A "nova politica" de Marina Silva é a Velha politica religiosa cristã que taxa a tudo como "coisa do satanás" e propõem acreditar em Jesus, mesmo sem provas, nem evidencias. A Nova politica é na verdade a velha ordem mundial da religião que aliena, em vez de ensinar...

No Facebook:

F.T.,:  Pela sua lógica na apresentação acima, opção sexual (qualquer opção de interação) requer direitos específicos e em aparte da constituição que brinda a todos como IGUAIS perante as leis, leis que atendem sem distinção héteros, homos, sadomasoquistas, os tântricos, celibatários, carnívoros, veganos, ateus, esotéricos, esportistas, professores, funkeiros, sertanejos, tabagistas, alcoólatras, abstêmios, surdos, compulsivos por chocolates... quer discutir politica? Manda ver! - há, não sou eleitor de nenhum...

Bruno Guerreiro de Moraes:
Não quero discutir politica não, na verdade isso não seria discussão de politica, mas sim de filosofia. O meu tempo é bastante curto, por isso uma discussão filosófica sobre tema tão subjetivo não é algo desejável. Até por que nós dois não decidiremos nada...  posso apenas resumir dizendo que isso de "igualdade para todos" é utopia das mais impossíveis de ser realizada, até por que na verdade ninguém é "igual", somos semelhantes em muitos pontos, e diferentes em muitos outros. Então uma constituição que brinda a todos como "Iguais" é na verdade um equivoco conceitual que os elaboradores de tal texto cometeram talvez por falta de melhor raciocinar. Na verdade a constituição deve brindar a todos com a possibilidade de manter a ordem numa coletividade que é diferente nos detalhes, mas bem semelhante no geral. O comunismo já tentou "nivelar a todos por baixo", mas falhou fragorosamente. As pessoas não são "iguais" elas são na verdade semelhantes, e alguns grupos bem menos semelhantes que outros, que é o caso de heterossexual versus homossexual.

F.T.,:   Absolutamente, e óbvio que o estado por maléfico que seja e na melhor suposição, legisla não pela justiça e ordem subjetiva de minorias (principalmente quando direitos civis já estão na carta magna), mas, pela relativa ordem da coletividade... ¨grupos e subjetivos¨ que em circunstâncias diversas tenham dificuldades de espaços públicos devem considerar proporcionalmente os mesmos, ademais no perfil destas minorias percebe-se uma desajeitada politica de confronto, que não ajuda em nada. Eh essa política de grupo que, nas entrelinhas de teu post apoia, vem versada no discurso dúbio, irreal e homofóbico as avessas, não farias mal em abster-se de tomar partido. Na paz.

Bruno Guerreiro de Moraes:    Certos grupos tem lá suas idiossincrasias próprias e necessitam de direitos/exceções que não condiz com o a maioria acha que seja necessário. Dai nasce os confrontos. Em casos assim não creio que a maioria deve decidir o que a minoria diferenciada deve ou não obter. A decisão deve ser dada a um grupo de pessoas justas, e sensatas que vai julgar tais reivindicações com maior atenção, temperança e sendo de justiça. E a triste verdade é que a maioria não está preparada para julgar, a triste verdade é que a voz do povo não é a voz de Deus, é na verdade a voz dos instintos animais, do egoísmo, e da mediocridade que permeia a humanidade. A verdade é que a humanidade num geral é burra... e graças a uma minoria segue em frente. Eu concordo com essa frase: - “95% das pessoas são retardadas, 5% salva a humanidade...” [Ziraldo Alves, cartunista, dramaturgo, escritor, cronista, desenhista e jornalista brasileiro] - E não, não acho que a democracia funcione, e por isso mesmo não estamos numa democracia, na verdade estamos numa ditadura disfarçada, onde os mais ricos governam com mão de Ferro. E por isso mesmo a sociedade funciona razoavelmente bem. Fosse democracia verdadeira o pais, e o mundo, seria um caos completo, pois refletiria a natureza humana, que é doente, e segue, pelo menos a maioria, os instintos puramente animais. Ps. Claro que acho que na verdade quem deveria governar seria filósofos sábios, e sensatos, mas não é assim na pratica... quem verdadeiramente governa o mundo é quem tem mais dinheiro.

F.T.,  Bicho! No universo nada, nada está fora de seu contexto, podemos achar que não mas nosso DNA energético faz parte de todas as pejoratividades que nomeaste (lei do retorno), somos co-criadores disso tudo. Nossos comentários fervorosos e partidários emanam em pulsos energéticos que sustentam e mantem estas idiossincrasias que te referes....cale-mo-nos, na condição de reforma intima subjetiva e não sentimentalista.

Bruno Guerreiro de Moraes:  Na verdade não vou me calar não Francisco, eu pretendo justamente influenciar por ressonância mórfica, e assim ser um standard para todos seguirem, pois... se o Rei não sentar no trono, o bobo da corte vai acabar sentando.

Imagens - Marina Silva Presidenta - Vote e vamos voltar a Idade das Trevas

Tags: Marina Silva,vote,40,psb,Defesa dos Interesses, das Igrejas,Banqueiros,bancos,banco central,Ironia e Desonestidade,pastor,pastores,marina mandada,bíblia,idade média,religiosa,

2 comentários:

Anônimo disse...

falou tudo cara, mas eu acho que o povão vai eleger marina.....infelizmente

Rafael Souza disse...

Cara, esse site de onde vc tirou a notícia é tendencioso, e nesse caso contou uma mentira grossa, pois desde 2010 Marina deixou claro que a proposta do plebiscito era só para discutir a legalização do aborto e do porte de maconha, e que a união gay deveria ser protegida pelo Estado, por questão de Justiça: https://www.youtube.com/watch?v=OkjYqzZm-a8

As pessoas que escreveram as propostas que estavam na primeira versão do programa de governo de Marina a continuaram apoiando, pois reconheceram que houve apenas uma correção, para que constassem não as propostas "originais", e sim aquelas que foram aprovadas após debate interno na Rede Sustentabilidade: https://br.noticias.yahoo.com/marina-tem-preconceitos-diz-candidato-gay-rede-231200943.html

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

wibiya widget

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. [Bruno Guerreiro de Moraes]