segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

James Randi e seu Desafio Paranormal de Um Milhão de Dólares - 1 Milhão de Dólares - Isso é Sério?

- “O lance do desafio do Randi certamente é armação. Finja ser alguém que realmente tem alguma manifestação assim e tente conseguir ser testado para você ver, eles nunca estarão disponíveis para fazer o teste. O tal ‘milhão’, se é que existe, jamais será entregue, por mais que existam pessoas com poderes verdadeiros” [anônimo]

Sendo eu o ministrador da “Iniciação o Salto Quântico Genético”, e também por manter páginas e canais de vídeos exibindo evidências reais das capacidades psíquicas de diversas pessoas pelo mundo todo, (evidências essas comprovadas cientificamente, [Clique Aqui]) de tempos em tempos tenho de lidar com pessoas completamente tolas, completamente desinformadas que vem cheias de 'razão e entusiasmo' me falar do “Desafio Paranormal de James Randi” achando que essa bobagem é “prova” de que tudo que divulgo e faço é mentira... Piada né? Só rindo mesmo para não chorar! 

James Randi, Ciência de brincadeirinha, não é de verdade...

É para essas pessoas iludidas nesse oceano de enganação que este artigo foi construído, pois não importa quantas vezes a gente responda sobre essa questão, sempre vai aparecer mais um religioso/cristão ou um Materialista/Ateu preguiçoso, debochado e quase analfabeto para repetir sempre a mesma ladainha já refutada milhares e milhares de vezes... Vou então reunir aqui nessa singela página do site os meus argumentos que provam que na verdade o famoso “Desafio Paranormal de James Randi” não passa de pura sofisma coisa de pseudocético. Assim cada vez que um pobre iludido desses tocar no assunto, vou indicar a ele/ela essa página, e pronto, problema resolvido!

                                        Sabe o que quer dizer Sofisma? [Clique Aqui]                                       

- “A verdade é inalcançável, todavia devemos nos aproximar dela por tentativas” - [Karl Popper, filósofo da ciência, sistematizador do método cientifico]

Quem é James Randi?
Já que ele gosta de dizer que dá "dor de cabeça" nos paranormais, vamos fazer ELE ter uma agora...

James Randi não passa de um mágico fracassado, que nunca se destacou na sua frívola carreira, ele como todos os mágicos comuns [existe alguns que são paranormais, chamados de "mentalistas" misturam truques baratos com poder psíquico real]. Animava festas infantis, ou fazia shows em circos itinerantes. Mas a vida dele mudou quando, uma vez aposentado, resolveu “ajudar” os pseudocéticos da CSICOP a defenderem seus dogmas Materialistas/Ateus. [sobre PseudoCéticos, Clique Aqui].

A CSICOP é uma organização de idolatras do Materialismo/Ateísmo que a fundaram para defender os dogmas de sua religião contra a ciência e o método cientifico autêntico. Eles defendem os axiomas de sua religião naturalista/reducionista, e não a ciência honesta. Por tanto não são cientistas, nem muito menos interessados na Ciência real, são na verdade pseudocientistas[Obs. Outra organização de nome parecido foi criada nos EUA para combater a CSICOP, chamasse SCEPCOP, acesse o site deles: Clique Aqui].

Continuando:

Ai sim ele se destacou na vida, ganhou fama, glória e passou a aparecer em diversos programas de TV, Rádio e a dar entrevistas. Foi então, depois de resolver ser um Ateu militante, defensor dos dogmas dessa nova religião, que James Randi conheceu o gosto da fama que tinha procurado a vida toda em vão, eis ai a razão principal para ser tão “linha dura”, teimoso e desonesto. No dia que ele entregar o Premio de 1 Milhão, a fama dele acaba... sua missão estará cumprida, e os holofotes sobre ele vão se apagar... Entenderam então? James Randi não está preocupado com ciência, nem com a verdade, nem se compromete com a honestidade, Randi quer apenas uma coisa: ((FAMA)), custe o que custar. Ele é um artista fracassado e frustrado que “por acidente” encontrou um caminho para a fama e reconhecimento publico. No dia que ele entregar o prêmio, a festa acaba... Acham que ele quer largar esse osso? Nunca vai largar!

eu sempre tenho uma saída” [James Randi dizendo que sempre encontra uma saída para não entregar o premio de 1 Milhão - Dennis Rawlins, ex-membro da CSICOP, Revista FATE, edição de Outubro de 1981, p. 89].

Ele vai continuar dando as mais esfarrapadas desculpas para não testar pessoas realmente paranormais, ele vai fugir dos verdadeiros paranormais o quanto puder, pois quer apenas viver sua ilusão efêmera de ser uma personalidade “reconhecida”, “respeitada”. Agora que se declarou Gay, dá para entender melhor sua psicose, como ele mesmo diz:

- “Eu sou Gay... Durante os primeiros 20 anos da minha vida, eu tinha que viver nas sombras, em uma cultura que foi - pelo menos exteriormente - totalmente hostil a qualquer sugestão de variação do estilo de vida normal”. [James Randi em seu site dia 21 Março de 2010 ás 12:37, Clique Aqui, Vídeo onde confirma e reforça sua declaração Clique Aqui ]

Para quem temia ser ‘descoberto’ pela sociedade, engraxado e desprezado, ao se ver numa situação onde desempenharia um papel “digno”, “reconhecido”, “útil a sociedade”, foi o mesmo que ganhar na Mega Sena acumulada. O pobre Gay enrustido, temeroso do asco da sociedade, mágico fracassado, uma criatura humana infeliz e frustrada viu na defesa dos dogmas materialistas/ateus a grande oportunidade de se destacar, de ser aplaudido, e exaltado pela mesma sociedade a qual ele tanto temia. Todo esse medo, e frustração também explica por que ele era tão debochado, impiedoso com as pessoas que alegavam ter poderes, mas que eram refutadas. Por ele [Randi] sofrer de baixa estima, a oportunidade de humilhar, esculachar e pisar nas outras pessoas era como um balsamo, aliviava seu ego ferido, dava uma oportunidade para dizer a si mesmo: - “não sou tão desprezível assim afinal... veja essas pessoas!” - seu ódio e desprezo pela humanidade, pelas pessoas num geral pode ser externado, como ele nunca sonhara antes.

Imagine! Veja a sorte! Ele é que tava fazendo deboche, rindo, humilhando, em vez de ser a vitima era o caçador! Foi como um sonho que se realizara. Então, assim como é o caso de seus colegas de pseudocetismo, Carl Sagan, Richard Dawkins, Padre Quevedo, todo o trabalho de Randi é produto de uma mente perturbada, de um ego ferido, de sonhos destruídos pelas duras condições que a vida nesse planeta impõe. Foi então a necessidade de ter uma válvula de escape que descarregasse toda a frustração e medo, que criou o ‘James Randi’ que agora todo mundo conhece, o três vezes ‘P’: Patife, Pilantra, e Pseudocético.

- “Só duas coisas são infinitas: o Universo e a estupidez humana. Mas eu não estou totalmente seguro quanto ao Universo...” [Albert Einstein]

- “Eu consigo calcular o movimento dos corpos celestiais, mas não a loucura das pessoas”. (Isaac Newton)

Sofisma, a Arte de Enganar


James Randi se vale de uma técnica já há muito conhecida, e combatida dentro do sistema filosófico, se trata do sofismaO Sofisma é simplesmente o discurso enganoso, uma mistura de meias verdades e meias mentiras que uma vez bem entrelaçadas pode ser apresentada ao grande publico [naturalmente leigos em filosofia] como verdades estabelecidas, absolutas. É a já muito velha técnica de discurso retórico usado pelos políticos, advogados e lideres religiosos (Tais como Padres e Pastores) para enganar, fraudar, iludir o restante da sociedade. Mais sobre Sofisma e Erística, [Clique Aqui]. Um exemplo simples que pode ser usado para ilustrar isso, é o caso Thomaz Green Morton.

Thomaz é um brasileiro, possuidor de poderes psíquicos autênticos, porém muito acomodado, brincalhão e sem responsabilidade. Talvez por possuir as capacidades desde a infância, os adultos a sua volta ficaram com medo, todas as pessoas o temia, por isso não o educaram como devia. Assim cresceu mimado. Tem corpo de adulto, mas mente de criança irresponsável, bagunceira que nunca apanhou por causa de suas traquinagens, isso dá para se notar muito claramente na longa e interessante entrevista que ele [Green Morton] deu para a Revista Isto É, veja a entrevista completa nesse link: [Clique Aqui], entrevista da Rede Globo sobre ele, onde se questiona exatamente essa atitude irresponsável [Clique  Aqui].

Thomaz Green Morton Responsabilidade ZERO diante do mundo e dos outros paranormais

O James Randi e sua equipe deve ter estudado o caso, ajudados pelo Pseudocético e sacana Padre Quevedo, [Clique Aqui] e entenderam que atacá-lo seria fácil. Se ele ganhasse o Desafio Paranormal, seria imediatamente alçado como super estrela no mundo todo, e isso Green Morton não quer...

Thomaz Green Morton para a IstoÉ:

- “não gosto da minha imagem na tevê. Pareço um Thomaz poderoso, espécie de milagre, messias. Gosto do Tumaiz, com cigarrinho de paia, bem simples...” - depois - “Olha, já quis ser como o super-homem, já fui um showman. Mas quero acabar com a imagem de poderoso, superbruxo. Quero ser o Rá-migo para sempre” -

O que faz então James Randi diante disso? Vem ao Brasil para peitá-lo com todo o estardalhaço. Uma vez peitado Morton se acovarda e foge vergonhosamente, Randi então usa o episódio para declarar aos 4 cantos da Terra que os paranormais não existem, nunca existiram, todos não passam de charlatões usando truques de mágica.

Entrevista de James Randi na Revista Super Interessante, onde ele cita Morton [Clique Aqui] Porém se o episodio Thomaz Green Morton prova algo, é apenas referente a este individuo em particular, os outros paranormais não tem nada a ver com o caso. Randi nunca ousou peitar os diversos paranormais Russos, como esses apresentados nesse documentário: [Clique Aqui] - Guy Bavli aparece em programas de TV nos EUA apresentando seus poderes de telecinese, e Randi simplesmente não faz nada [Clique Aqui].

Urandir Fernandes de Oliveira, paranormal brasileiro ACEITOU o desafio de James Randi, mas Randi fugiu dele, como um rato foge do Gato, veja artigo sobre o assunto: [Clique Aqui]. Também nunca ouvi falar que Randi tenha peitado o Dr. Eric Pearl que faz curas milagrosas há décadas nos EUA. [sobre Eric Pearl Clique Aqui].

James Randi também foge de John Chang, um super paranormal da Indonésia que faz efeitos físicos extraordinários [Clique Aqui]. O homem do Gelo Wim Hof e o ex-agente da CIA David A. Morehouse estão ai na mídia, e o “caçador de charlatões” nunca ousou enfrentá-los... [Clique Aqui], Edelarzil Munhóz Cardoso, uma Super Paranormal Brasileira que Materializa e Teletransporta objetos há mais de 60 anos também não foi peitada pelo “Incrível Randi” [Clique Aqui]

Outros exemplos de Paranormais Autênticos, que Randi nunca ousou enfrentar:

Romilda, uma Paranormal Brasileira que vive atualmente na ilha da Madeira, ela faz operações espirituais autênticas, já foi pesquisada a sério por cientistas e médicos, comprovando seus poderes [Clique Aqui] - Paranormais do Lar de Frei Luiz onde praticam a Materialização de Almas até os dias de hoje [Clique Aqui] -  Marcelo Acquistapace, clarividente que ajuda a policia de Montevidéu a desvendar crimes há mais de 20 anos [Clique Aqui] - John Edward, médium famoso dos EUA [Clique Aqui] - Jiang Feng, paranormal SUPER potente da China [Clique Aqui] - Raj Mohan Nair, paranormal da Índia [Clique Aqui] - David Verdesi, super paranormal Italiano [Clique Aqui] - Dennis Rogers, homem baixo e sem grandes músculos, aclamado como o homem mais forte do mundo [Clique Aqui] - Pagé Sapaim curador espiritual brasileiro [Clique Aqui] - Jasmuheen, escritora que não precisa comer para ficar viva [Clique Aqui] - Adelaide Scritori, paranormal capaz de interferir no clima, presta serviço para governos de vários países e estados brasileiros [Clique Aqui] - Prahlad Jani, indiano que não precisa comer nem beber para ficar vivo [Clique Aqui] - Déborah Sachs do Instituto Monroe [Clique Aqui] - Amyr Amiden, paranormal materializador tema do livro “O Fenômeno Magenta” [Clique Aqui] - Ram Bahadur Bomjan, o ‘Jovem Buda’, consegue ficar sem comer, sem beber e sem dormir [Clique Aqui] - Dean Karnazes, o homem que nunca se cansa [Clique Aqui] - João de Deus, cirurgião espiritual brasileiro que virou sensação nos EUA graças a Oprah Winfrey [Clique Aqui] - E Muito mais...

Nota: todos esses citados estão VIVOS, e a disposição para serem testados.

Dona Edelarzil, paranormal materializadora, ela pode materializar e teleportar objetos sólidos, e em grande quantidade, artigo sobre ela Clique Aqui [Obs. Eu, o dono do site Sete Antigos Heptá a conheci pessoalmente]

Entenderam então a técnica do Randi? Ele ataca aqueles que são óbvios charlatões, ou paranormais covardes, mas evita confrontos contra os autênticos, usa o fracasso ou covardia de alguns, e na imprensa diz que TODOS são falsários, charlatões, generalizando o julgamento para todos, testados ou não. Ele criou uma porção de regras absurdas, para justamente desanimar os verdadeiros psíquicos, e também dar desculpas a sua platéia alienada.

- “Para a mentira ser convincente é preciso que ela seja misturada com qualquer coisa de verdade” [regra numero um da retórica sofista]

- Estes usam o “argumento sofístico ou sofisma” que se trata de um falso argumento ou argumento intencionalmente falacioso; de sofista deriva ‘sofisticado’, no sentido depreciativo de algo muito elaborado ou excessivamente ornado, embora vazio de conteúdo...

                       Regras Insólitas do ‘Desafio                 
Vamos analisar as Regras uma por uma:
[Obs. podem ser lidas nesse link: Clique Aqui em inglês]

Busca sincera por paranormais eu? - James Randi - 

1] O candidato deve enviar uma descrição de sua capacidade, e fica a critério de Randi e equipe quererem ou não testá-lo, isto é, se a Edelarzil, paranormal que materializa e teletransporta objetos, mandar uma descrição, e eles [Randi e Equipe] resolverem não testá-la, então ela será classificada imediatamente como “charlatã”... por que? Bem, por que o James Randi não quis testá-la!? (é isso mesmo que você leu). [Nota: é simples assim, se um paranormal é recusado pela equipe de Randi, a “comunidade” dos pseudocéticos simplesmente o qualifica como charlatão, sem ao menos testá-lo, esse é o ‘método cientifico’ de Randi... foi o que aconteceu com Uri Geller].

2] Se o candidato(a) for admitido para ser testado, então ele deve fazer exatamente aquilo que a equipe e Randi deseja, isto é, supondo que a Edelarzil fosse admitida, Randi poderia inventar que ela tem de materializar um Avião Boeing 757, se ela materializar um Avião Jumbo 747, então é charlatã... [exagero meu? Leia a regra no original e vai ver que ela permite esse tipo de interpretação, e de fato Randi usa dessas interpretações para não pagar o prêmio de 1 Milhão, como deixa claro na sua frase acima citada]

3] Todo o material reunido, desde aqueles enviados pelo candidato, até os reunidos pela equipe de Randi, isto é, fotos, vídeos, documentos, etc... é propriedade de Randi, e o candidato deve abdicar de qualquer direito autoral sobre eles, a JREF poderá usar o material a vontade, e o candidato não poderá fazer qualquer objeção. Em outras palavras, o candidato tem de se entregar de corpo e alma a James Randi, se ele [Randi] resolver usar a foto do candidato como estampa para uma marca de papel higiênico o candidato não poderá protestar.

4] Um teste “preliminar” deve ser executado, antes de fazer o teste “formal”, este teste preliminar será feito apenas na presença de um, ou poucos membros da JREF [organização de Randi] num lugar de escolha da JREF, não será filmado, nem o áudio será gravado, o candidato(a) deve executar o fenômeno, e a equipe deve decidir se ele foi bem sucedido ou não, como não haverá outras testemunhas, além do próprio candidato, a equipe poderá dizer simplesmente que o candidato falhou, sem apresentar nenhuma prova. O candidato não poderá reclamar, e terá de abdicar de qualquer ação judicial contra a JREF. Em outras palavras, se a Edelarzil materializar o tal Boeing 757, mas o James Randi resolver não reconhecer o fato, ela será difamada pelo mundo todo, qualificada como charlatã, e não poderá reclamar, Randi poderá dizer aos 4 cantos da Terra que ela falhou, sem ter nenhuma necessidade de apresentar provas, ela não poderá processá-lo.

Segundo o próprio site de Randi, ninguém nunca passou por esse teste preliminar... não precisa ser muito inteligente para saber por que né?

5] Todos os custos de viagem, hospedagem, material, equipe, etc... do candidato é de inteira e completa responsabilidade do candidato, a JREF não arcará com qualquer custo. (essa regra é ‘normal’, logicamente que Randi não pode arcar com as despesas pessoais de cada pessoa que quiser ser testada), mas ai pode se encontrar uma armadinha adicional, se por exemplo Randi resolver fazer uma viagem de 6 meses para o Caribe, bem na hora que o candidato chegar nos EUA, problema do candidato! Ele terá de arcar com os custos da viagem, hospedagem, etc... pelos 6 meses que o Randi estiver fora, ou pode voltar para seu país, ou estado, sem sequer ser recebido pelo Randi.

James Randi então pode combinar com algum candidato que venha aos EUA, mas quando esse chegar, ele pode inventar uma desculpa qualquer e dizer que não pode mais recebê-lo, ai o candidato que se dane, Randi com essa regra se abstém de pagar qualquer prejuízo que o candidato tenha, ele não terá qualquer compromisso, pode falir um candidato simplesmente afirmando que está “indisposto” e inventando outras desculpas qualquer.

6] Qualquer correspondência enviada a JREF tem de ser em inglês, e caso seja algo traduzido de outra língua, as qualificações do tradutor deve ir junto. Em outras palavras, se não tiver a qualificação do tradutor em TODAS as correspondências, emails, mensagens, etc... então elas serão simplesmente ignoradas, e talvez jogadas fora no lixo, sem nem mesmo serem lidas...

7] Caso o pedido de ser testado seja negado, o candidato deve esperar 12 meses para pedir novamente, se for negado por uma segunda vez, então não pode mais pedir, ele será qualificado como charlatão, e ponto final. Se o candidato não passar no primeiro teste ele poderá se candidatar pela segunda vez, mas terá de esperar 12 meses, não passando no teste de novo, ai não poderá mais se candidatar, será qualificado como charlatão para o resto da vida.

8] Ao aceitar o desafio, o Requerente renuncia a toda e qualquer reclamação contra o James Randi, a JREF, funcionários da JREF, administradores, diretores, e qualquer outra pessoa. Essa renúncia inclui, mas não limitado a, danos, acidentes, de qualquer tipo, incluindo danos e /ou perda de natureza física, emocional, financeira e /ou profissional. Não obstante qualquer outra coisa neste parágrafo, deverá o Requerente passar no teste formal.

Então, se por exemplo, a Edelarzil, que é uma senhora de 65 anos, estiver se dirigindo para o local do teste, e o James Randi resolver espancá-la com um cano de Ferro, até quebrar a espinha dela, ela não poderá processar, nem mandar prendê-lo, por que abdicou desse direito nesse parágrafo... James Randi ainda por cima inventou regras para nunca ser obrigado a testar pessoas que dizem não precisar comer para ficar vivas, isto é, pessoas como Ram Bahadur Bomjan, Prahlad Jani, Jasmuheen não poderão provar suas capacidades, simplesmente por que Randi não quer “ariscar” a vida delas durante um teste...

Também deu um jeito de nunca precisar testar curadores espirituais, pois primeiro, eles para provar teriam de fazer operações espirituais sanguinolentas em pessoas voluntarias, essas pessoas correm então o risco de serem lesadas, e a JREF não pode admitir isso... Mesmo que curadores tais como João de Deus, Dr. Eric Pearl, John Chang, Jiang Feng, Médiuns do Centro Frei Luiz, etc... tenham feito milhares e milhares de operações bem sucedidas, terem curado milhares de pessoas, por décadas, sem nunca ter tido qualquer problema colateral com seus pacientes, mesmo assim, James Randi se nega a testar, por que simplesmente eles vão colocar voluntários em risco...

Também é regra do desafio que qualquer cura espiritual que venha a ser alcançada por meio de algum procedimento paranormal não vai ser reconhecida, por que simplesmente não é um experimento ‘replicável’, isto é, se uma pessoa for tratada pelo Jiang Feng e for curada de um câncer, isso não vai ser reconhecido, por que a mesma pessoa teria de ficar doente novamente, com a mesma enfermidade, e ser curada pelo mesmo Jiang Feng diversas vezes, quantas vezes fosse requerido um teste, ano após ano, pela eternidade!

É o 'método cientifico' sendo distorcido e adequado as necessidades de James Randi... 

Então, como ficou claro, o ‘Desafio Paranormal de 1 Milhão de Dólares’ não passa de pura sofisma, é tão estapafúrdio que mesmo que se passasse 1 milhão de anos, não haveria como alguém ganhar, pois com tantas cartas na manga, James Randi pode enrolar qualquer candidato, pelo tempo que for, até esse perder a paciência, ou ser simplesmente ignorado.

- “eu sempre tenho uma saída” - [James Randi]

Veja o nível de ironia e estupidez que alguns questionamentos mais comuns são respondidos por ele e equipe: [Clique Aqui].

Está muito claro que James Randi e seus colegas e colaboradores não estão nem um pouco preocupados em testar pessoas com poderes paranormais/psíquicos autênticos, não estão preocupados com a ciência, nem em saber a verdade, a única preocupação de Randi e companhia é, em primeiro lugar, blindar sua religião Materialista/Ateu contra argumentações cientificas e filosóficas, eles podem simplesmente dizer: - “Ah bem, nunca ninguém ganhou o prêmio de 1 Milhão de dólares, então ‘certamente’ não existe paranormais!” - É só para isso que esse 'desafio' existe. 

Em segundo lugar, James Randi só está interessado em manter a “chama acesa”, enquanto ele não der o prêmio de um milhão, sempre vai ser citado, sempre vai ser convidado a dar entrevistas, e sempre vai poder pedir doações no seu site! Note como o site dele é cheio de pedidos de doação, para “continuar com a causa” [Clique Aqui]. Até cartão de credito com a cara do patife tem! [Clique Aqui].

Ovelhas do Ateísmo/Materialismo, por favor, contribuam com donativos para que o James Randi possa viver uma vida prospera e confortável a custa do seu suor, obrigado! Darwin te pague! Tá abençoado em nome de Dawkins!

Assim como qualquer pastor de igreja evangélica, ou padre da igreja católica, James Randi pede dinheiro para as suas ovelhas burras, dizendo que é para a “Grande Obra”! É rir para não chorar... Naturalmente não poderá mais pedir “donativos” quando o prêmio for entregue, então é obvio que ele NUNCA vai entregar esse prêmio...

- “...uma importante inovação científica raramente faz seu caminho vencendo gradualmente e convertendo seus oponentes: raramente acontece que 'Saulo' se torne 'Paulo'. O que realmente acontece é que os seus oponentes morrem gradualmente e a geração que cresce está familiarizada com a ideia desde o início...” (Max Planck, The Philosophy of Physics" [A Filosofia da Física], de 1936)

- “95% das pessoas são retardadas, 5% salva a humanidade...” [Ziraldo Alves, cartunista, dramaturgo, escritor, cronista, desenhista e jornalista brasileiro]

                           Conclusão                         
Por favor, sou um artista fracasso, carente de fama e dinheiro, dá uma ajuda ai chefia, uma graninha para eu tomar whisky escocês 15 anos. Por favor... em nome dos macacos de darwin! 

Além desse nosso site, existe outros que também estão desmascarando esse Pilantra. De todos recomendo 2 em particular:

- Texto de Júlio Siqueira, dono do site “Criticando Kardec” : [Clique Aqui].

SCEPCOP, como citado acima, esse é um site inimigo da CSICOP, e possui diversos artigos e vídeos que denuncia James Randi como um inimigo da razão, da ciência e da sociedade, feito por cientistas, argumentos científicos são usados contra Randi e seus asseclas [Clique Aqui].

- Interessante Artigo feito pelo site Norte Americano DailyGrail traduzido para o português, argumentos científicos são usados para refutar Randi: [Clique Aqui]

Acho que esse artigo já está bastante substancial, provando que de fato James Randi é o verdadeiro CHARLATÃO nessa historia toda, é verdade que ele as vezes desmascarou alguns impostores, mas dado a sua completa DESQUALIFICAÇÃO moral, cientifica e acadêmica, suas refutações não tem qualquer peso científico ou histórico. 
Ele simplesmente não prestou, e nunca prestará, para fazer qualquer investigação sobre o paranormal, suas alegações são simplesmente anedotas de mal gosto, pura perda de tempo, não devem em hipótese alguma ser levadas a sério. Nem por um segundo. A ciência honesta e lúcida já reconhece os paranormais, os governos de grandes países, tais como EUA, Rússia, China, Japão, Etc... já os usa para diversas funções, gastasse milhões e bilhões em pesquisas para o desenvolvimento e controle das capacidades psíquicas. Não há mais duvidas sobre essa realidade, e quem nega, é por que não estudou não pesquisou, não viu os dados fartamente acumulados que já se eleva até as nuvens.

- “A Ciência honesta e lúcida segue as evidências até onde elas forem dar... não se importando se tal lugar é 'bizarro' ou 'estranho' [Bruno G. Moraes]

- “O que sabemos é uma gota, o que ignoramos é um oceano” (Isaac Newton, físico, matemático, astrônomo, alquimista, filósofo naturalista e teólogo)

- “A filosofia da ciência é clara e diz: ‘Não estamos preocupados com ideologias, gostos ou preferências, apenas aceitamos a verdade... por mais ‘estranha’ que essa pareça” [Bruno G. Moraes]

- 
“A parte que ignoramos é muito maior que tudo quanto sabemos” (Platão filósofo e matemático da Grécia Antiga)

John Chang, poderes paranormais autênticos, e comprovados cientificamente

Bruno Guerreiro de Moraes, apenas alguém que faz um esforço extraordinariamente obstinado para pensar com clareza...

Tags: charlatão, desmascara, mentiras, mentira, charlatona, fraude, 171, enganação, caçador de charlatões,One Million Dollar Paranormal Challenge, James Randi exposes Uri Geller, James Randi Educational Foundation, JREF,1 milhão, caçador de, caçador de paranormais, cetico, charlatões, desafio paranormal, james randi, paranormalidade, premio de um milhão, Um Milhão de Dólares, 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

wibiya widget

O que Está Acontecendo?

- “Lamento, eu lamento muito... mas a maior revelação que o ‘Salto’ trás não é consolador, mas sim perturbador. O Mundo em que estamos é um campo de concentração para extermino de uma Super Potencia do Universo Local”. [Bruno Guerreiro de Moraes]